Geral

O que significa bissexual? Confira definição e mitos

Bissexual é o termo usado para identificar uma orientação sexual onde um indivíduo se sente atraído, romântica ou sexualmente, por mais de um gênero. Ou seja, uma pessoa que se auto define bissexual, assume gostar tanto de homens quanto de mulheres, sem necessariamente existir uma preferência por apenas um sexo.

A bissexualidade representa uma das três grandes orientações sexuais do ser humano. Se um indivíduo é atraído por membros do sexo oposto, ele é heterossexual. Por outro lado, se ele exerce sua sexualidade com membros do mesmo sexo, ele é homossexual. No caso de bissexuais, o sujeito pode ter um parceiro heterossexual ou um par homossexual.

Bissexual e Pansexual

O conceito de pansexual é ainda mais recente que o de bissexualidade. O pansexual, por sua vez, não é uma orientação que está restrita a apenas os dois gêneros existentes, tem mais a ver com a personalidade e o que a pessoa aparenta ser por dentro. O pansexual não se importa com a genitália, mas, como costuma-se dizer, com o sentimento que pode se desenrolar no relacionamento, e a personalidade do parceiro ou parceira.

Por outro lado, o bissexual relaciona-se com ambos os gêneros, porém com pessoas cisgênero. O relacionamento pode ser sexual ou amoroso.

Veja também – Submissão é o ato de subordinar-se a outrem. Saiba mais!

Mitos sobre bissexualidade

Por ser uma opção um pouco mais fluída que a heterossexualidade e a homossexualidade, muitas vezes pessoas bissexuais sofrem um pouco de preconceito dentro de ambas as comunidades citadas.

Muitos costumam atrelar a bissexualidade com a indecisão, quando a pessoa não sabe se prefere homem ou mulher e acaba por se envolver com os dois. Bom, isso é um mito, e também é uma questão pessoal de cada um. Um bissexual não é obrigado a ter nenhuma preferência, muito pelo contrário, o que o diferencia é exatamente essa preferência fluida por ambos os gêneros.

Em questão de relacionamentos, muito têm medo do envolvimento romântico com o parceiro bissexual, por medo de traição, já que o senso comum explica que pessoas bissexuais são mais suscetíveis à trair. Mas isso não passa de mito, afinal cada um tem consciência de suas responsabilidades dentro de um relacionamento, e a traição está muito relacionada, na verdade, ao caráter da pessoa e não a orientação sexual.

Por fim, muitos também falam que bissexuais só estão afim de “pegação”, mas também é um mito generalizado pelo senso comum. A opção sexual da pessoa nunca irá definir suas atitudes e muito menos o seu caráter.

Bandeira bissexual

A bandeira do orgulho bissexual foi projetada por Michael Page em 1998, para dar à comunidade sua devida visibilidade e o seu próprio símbolo.

O jogo de cores da bandeira representa os diferentes tipos de atração de uma pessoa bissexual. E é formada por três cores: rosa, lilás e azul, que representam, respectivamente, a atração sexual e/ou romântica ao mesmo gênero somente; atração sexual ou/e romântica a ambos os gêneros; e atração sexual e/ou romântica ao gênero oposto somente.

bissexual

Além disso, o Dia da Visibilidade Bissexual é comemorado mundialmente no dia 23 de setembro.

Artigos relacionados:

About the author

Vitória Alice