Língua Portuguesa

Exceção: qual o significado da palavra?

A palavra exceção está relacionada a quebra de regras e normas sem se opor a elas. É a característica do que se faz anormal. Vamos conhecê-la um pouco mais detalhadamente.

Conhecendo a palavra exceção

Gramaticalmente a palavra exceção é um substantivo feminino. Sua divisão silábica é composta de três sílabas: ex-ce-ção. Ela é composta de sete letras com três vogais, (e, a, o), e duas consoantes, (x, c). Ela possui um encontro consonantal: ‘xc’. E um encontro vocálico do tipo descendente: ‘ao’.

Sua origem é o latim. Vem da palavra ‘excedere’. Sua formação original no latim é composta. É formada da junção do prefixo ‘ex’ que significa fora e a palavra ‘cedere’ que significa retirar-se, abandonar.

Refere-se a algo inédito. Também é usado quando algo foge a regra do que é feito ou existe comumente.

A palavra exceção e o destaque da diferença

Uma exceção é quando a regra sofre uma quebra, um parêntese, em relação ao normal. A palavra exceção é utilizada para se referir a tudo que se distingue dos demais pela diferença. Ela marca a descontinuidade de uma sequência de iguais. E destaca aquele que é distinto e incomum. Na sociedade pós moderna existe uma moda em que todos querem ser deferentes dos demais.

Em algumas regiões brasileiras os jovens que querem ser exceção são chamados popularmente de “os diferentões”. São aqueles que desejam se destacar e mostrar um diferencial em relação aos demais. Eles demonstram o desejo das pessoas de não serem componentes da massa de pessoas comuns. Mas querem acreditar que possuem características especiais e únicas que os fazem exceção a regra.

A palavra exceção e seus significados

A exceção significa sempre a ruptura de um estado de coisas que se considera normal ou natural. Também significa o novo. A inovação daquilo que é antigo ou tradicional. Também é aquilo que se destaca dos demais por apresentar um novo paradigma. Num comparativo com um grupo, a exceção é sempre aquele que se diferencia dos demais em alguma característica.

A palavra exceção dentro do Direito

Dentro da área do direito a palavra exceção é muito usada dentro dos processos civis. Nesse caso exceção transforma-se em um termo jurídico diferente de seu sentido comum. Em direito a exceção é utilizada quando um processo é dado por encerrado e se entra comum pedido de defesa indireta.

O recurso de defesa indireta pode ser solicitado quando a causa leva muito tempo. Portanto, dentro do processo jurídico se a causa se arrasta por um longo período o réu pode pedir por seu encerramento.

Mesmo não negando o motivo alegado pelo autor da causa, o réu pode alegar a defesa indireta. A alegação pode ser alegada por irregularidades dentro do processo. Ou também por falta de competência do advogado.

Também é usada quando se dá a um herdeiro um limite para fazer um balanço por conta própria. Nesse caso, a exceção acontece de forma temporária. Logo após o período, o processo segue o trâmite normal.

Esses são os usos da exceção no direito.

A palavra exceção dentro da política

Na política um termo recorrente é o chamado “estado excepcional” ou “estado de exceção”. Esse termo é utilizado quando um país está imerso em uma crise política, social e econômica. Justificando que o governo tome medidas drásticas sem esperar os trâmites legais comuns.

Em situações de colapso de uma nação, os governantes podem necessitar tomar decisões até anticonstitucionais. Pois dada a excepcionalidade da situação, é preciso que se assuma riscos para tentar salvar a pátria. Então a exceção da situação se torna mais importante do que as regras políticas e jurídicas.

Portanto, na política a exceção acontece quando uma nação vive um momento de anormalidade. E que por causa do caos estabelecido, é preciso medidas excepcionais ou fora da normalidade jurídica e constitucional. Tudo isso em nome de se restabelecer a normalidade econômica e social. E, principalmente, se salvar vidas.

A palavra exceção e seus usos

Para declarar que alguém se mostra diferente em modo de pensar ou agir das demais pessoas do grupo

Exemplos:

“Tatiana é alguém extremamente honesta. Ao contrário das pessoas do nosso escritório que não são confiáveis.”

“Aquele aluno estuda muito. A média dele é 8 enquanto o restante da turma tem média em torno de 5.”

Para dizer que alguém quebra uma regra de conduta de uma comunidade

Exemplos:

“Fabiano é o único dos meus irmãos que não gosta de trabalhar. Vive às custas dos nossos pais mesmo tendo 40 anos.”

“O carro passou velozmente. O motorista estava a mais de 100km quando a via é de somente 40 quilômetros por hora.”

Para demonstrar que algo foi excluído de um contexto pré determinado. É usado quando se abre uma exceção a uma regra

Exemplos:

“Leandro, não podemos aceitar esses documentos fora do prazo. Mas abrirei uma exceção para você.”

“Só dessa vez vou deixar você passar. Mas da próxima não vou deixar ninguém passar fora do horário.”

“Apesar da obrigatoriedade do uso das urnas eletrônicas. E de que todos os colégios eleitorais da cidade deve ter uma, naquela zona eleitoral o voto foi feito sem urna.”

Para falar sobre algo ou alguém que se destaca por causa de alguma característica em particular

Exemplos:

“Meu primo é o único que tem olhos azuis na família.”

“Aquele homem tem o único carro conversível da cidade.”

Para falar sobre algo que acontece de maneira diferente da esperada

Exemplos:

“Toda a família acreditava que ele pediria ela em casamento. Mas ele terminou o noivado.”

“Eu pensava que o carro rodaria mais com a quantidade de combustível que coloquei. Mas acabei no meio do caminho sem gasolina.”

A palavra exceção e seus sinônimos

As seguintes palavras são exemplos de sinônimos de exceção

  • Exclusão

  • Desvio

  • Incomum

  • Anormal

  • Ruptura

A palavra exceção e seus antônimos

As seguintes palavras são exemplos de antônimos da exceção

  • Inclusão

  • Regra

  • Comum

  • Normal

Lembre sempre que a palavra exceção é sobre algo incomum, que foge as regras sociais, legais. Também é fato totalmente inédito, sem precedentes na história. Ou algo que não se tem conhecimento de já ter sido feito, criado ou acontecido antes. Quando isso acontece a exceção está estabelecida.