Geral

Significado de trabalho: saiba o que realmente quer dizer essa palavra

O que é?

Trabalho significa um conjunto de atividades físicas ou intelectuais realizadas por indivíduos com o intuito de atingir metas ou uma remuneração. Ele pode ser feito de diversas maneiras e em diferentes áreas. O Dia Internacional do Trabalhador é comemorado em 1° de maio.

Definição:

  • Origem: Derivada do verbo trabalhar, que tem origem na palavra latina tripalium (“três paus”). Este se tratava de um instrumento de tortura usado para subjugar animais e forçar escravos a aumentarem a produção. Inclusive, era semelhante à cruz, que a comunidade cristão adotou como objeto-símbolo mais tarde.
  • Sinônimos: Atividade, tarefa, emprego, ocupação, ofício, função, serviço, negócio, expediente, afazer, esforço, incumbência, encargo, compromisso.
  • Antônimos: Inatividade, desocupação, desemprego, inação, desincumbência, ociosidade, ócio, vadiagem, vagabundagem, boemia, descanso, folga, desobrigação.
  • Classe gramatical: Substantivo comum.

Entenda mais sobre o que significa a palavra trabalho

trabalho é o nome dado ao esforço ou atividade realizado por indivíduos para atingir metas, remuneração, concretizar sonhos e objetivos de vida. É o ato de trabalhar que faz com que as pessoas demonstrem iniciativas, ações e desenvolvam habilidades para fazer algo. E é com o trabalho também que ele tem a oportunidade de aperfeiçoá-las.

O trabalho faz com que o homem aprenda a conviver com outras pessoas, com as diferenças, a não ser egoísta e pensar no ambiente de trabalho e objetivos deste, não apenas em si. Além disso, é o trabalho também que ensina o indivíduo a fazer algo com objetivos definidos, o que é aprendido desde a época dos trabalhos escolares. Com isso, o ser humano passa a conquistar o seu próprio espaço e respeito de outros indivíduos.

Quando a pessoa realiza um trabalho bem executado, também melhora a sua autoestima, graças à conquista de uma satisfação pessoal e realização profissional. Muita gente acredita que trabalho e emprego são a mesma coisa e chegam a confundir os dois conceitos, sendo que, na realidade, eles possuem definições diferentes.

Isso porque o trabalho é algo que não necessariamente oferece ao trabalhador uma recompensa financeira. Neste caso, o termo se encaixa melhor nesse conceito, uma vez que se trata de um cargo de um indivíduo em uma instituição ou empresa, onde o seu trabalho (mental ou físico) é remunerado. Inclusive, a definição de emprego é bem mais recente do que a de trabalho, e surgiu por volta da Revolução Industrial, propagando-se com a evolução do capitalismo.

Trabalho na Economia

No ramo da Economia, o trabalho diz respeito ao esforço humano que visa satisfazer as necessidades de um indivíduo ou grupo. No âmbito econômico, o trabalho faz parte da tríade de produção, junto com o capital e a terra e quer dizer que um indivíduo realiza um conjunto de atividades e recebe uma remuneração por isso, ou seja, o esforço da pessoa tem um preço, que é recompensado na forma de salário.

Existem outras formas de trabalho, como é o caso do trabalho autônomo, que é quando uma pessoa exerce sua atividade como profissional liberal, ou seja, não está ligado à nenhuma instituição ou empresa, e normalmente trabalha em atividades comerciais ou no comércio.

Trabalho infantil

Já o trabalho infantil se trata de uma atividade ou esforço realizado por crianças ou adolescentes que estejam abaixo da faixa etária permitida legalmente para trabalhar, o que pode variar de acordo com cada país. Em território brasileiro, qualquer menor com idade inferior a 16 anos que exerça qualquer tipo de trabalho é considerado dentro da categoria de trabalho infantil, que é proibido por lei.

Além do trabalho infantil em si ser proibido, independente se for físico ou intelectual, qualquer forma de trabalho que seja nociva ou cruel, como maus tratos e tortura, também é considerada crime. Mesmo assim, apesar de trabalho infantil ser proibido, ainda é comum em muitos lugares, especialmente em países muito pobres e subdesenvolvidos, onde geralmente as crianças precisam ajudar no sustento da família.

Trabalho escravo

Ainda dentro dos tipos de trabalho proibidos, o trabalho escravo é aquele no qual o empregador explora o seu empregado. Essa modalidade surgiu no período de escravidão, época em que os empregados tinham que fazer tudo o que os seus patrões mandassem, sem receberem absolutamente nada por isso (a não ser comida e água), e geralmente sob tortura e maus tratos.

Por outro lado, o trabalho escravo também acontece em caso de contratações realizadas de maneira ilegal e que acabam explorando o trabalhador. Em teoria, a escravidão foi extinta em todo o mundo, mas é comum ver em alguns países, principalmente no continente Africano, crianças e mulheres mantidas como escravas ou até mesmo na prostituição.

Existem diversos acordos internacionais que proíbem os países de manterem qualquer pessoa sob regime de trabalho escravo, mas isso não é respeitado, principalmente em áreas pobres, como Tailândia e Filipinas.

Trabalho voluntário

Existe ainda o tipo de trabalho voluntário, no qual um indivíduo se predispõe a realizar uma atividade sem receber remuneração. Essa modalidade é bastante comum entre estudantes universitários, que buscam um melhor aprendizado e experiência, e ainda não procuram receber remuneração para isso. Ainda, o trabalho voluntário também está relacionado, na maioria das vezes, à causas sociais. Não é à toa que algumas instituições sem fins lucrativos e ONGs dependem de trabalhadores voluntários para executarem as suas tarefas.

Trabalho em equipe

Um trabalho realizado em equipe é aquele em que um grupo de indivíduos realiza um esforço coletivo para atingir determinadas metas ou solucionar algum problema. Inclusive, trabalhar em equipe é uma questão bastante debatida em empresas e instituições e tornou-se um requisito primordial que todos os funcionários saibam executar tarefas em grupo, a fim de atingir metas de maneira mais rápida.

Além das empresas, o trabalho em equipe também é importante nos esportes, tais como basquete, futebol e vôlei, por exemplo, já que as partidas e competições dependem do esforço de todos os atletas para atingir o objetivo em comum, que são as vitórias.

Trabalho acadêmico

Já no caso de um trabalho acadêmico, o termo se refere às tarefas escolares exigidas de alunos em instituições de ensino a fim de desenvolver a capacidade intelectual e crítica dos educandos. Estes trabalhos podem ser escritos ou orais (apresentações em público), mas sempre submetidos à avaliação de um professor.

Além disso, os trabalhos acadêmicos podem ser maiores, como dissertação (para mestrado), tese (doutorado), monografia (graduação) ou TCC – Trabalho de Conclusão de Curso (para técnicos e tecnólogos). Já outros podem ser menores, ou seja, com menos importância que estes mencionados anteriormente, tais como relatórios, artigos, fichamentos, comunicações, resenhas, entre outros.

Trabalho na Filosofia

O conceito de trabalho também foi amplamente debatido no campo da Filosofia. Para Aristóteles, por exemplo, as conquistas e lutas deveriam vir apenas com o trabalho e que não era justo que fossem conseguidas de outra forma. Para o pensador, é o trabalho que faz com que os homens se tornem independentes.

Ainda no âmbito filosófico, o conceito de trabalho pode ter desde a definição mais simples do termo até as mais complexas. Nestas últimas, a Filosofia aborda concepções de que o trabalho teria relação com as atividades exercidas por pensadores e seus interesses, como a virtude, a riqueza, a beleza, entre outras. Além disso, os pesquisadores desta área, além dos filósofos e pensadores estudam para quê, para quem e como os homens trabalham, se estes trabalham em troca de algo ou se são obrigados a trabalhar ou não.

Trabalho na Física

Já na área de Física, o trabalho refere-se à energia necessária para aplicar uma força em um corpo, durante um determinado tempo de deslocamento. Neste caso, o trabalho é representado pela letra “W” e é calculado a partir de uma fórmula, que é a multiplicação da força pelo deslocamento.

Ainda, o trabalho pode resultar em um número negativo ou positivo, já que para este ser positivo, a força tem que agir no sentido do deslocamento, enquanto para ser negativo, a força tem que atuar no sentido oposto. Por último, o trabalho dentro da Física pode ser dividido em trabalho motor, que diz respeito a quando o deslocamento e a força estão no mesmo sentido, trabalho resistente, o oposto do motor, e, ainda, em trabalho nulo, que acontece quando este é igual a zero.

Esse artigo ajudou você? Então, que tal compartilhá-lo nas suas redes sociais para que outras pessoas também o vejam? Até a próxima!