Tecnologia

Bluetooth: o que significa? Como funciona?

Hoje possuímos várias tecnologias de transmissão de dados, como o Bluetooth. Este foi inventado no final do século passado e sua tecnologia fornece a qualquer um inúmeras facilidades para o dia a dia. Um exemplo simples é parear o celular com uma caixa de som que reproduzirá as suas músicas. Aqui, apresentamos um pouco da história do Bluetooth, seu funcionamento e algumas curiosidades.

Bluetooth: como o inventaram?

As tecnologias de comunicação remontam às guerras. Assim, para entender o que é a internet e as suas derivações, como o Wi-Fi, precisaríamos remontar ao final da II Guerra Mundial e a posterior Guerra Fria. Naquele momento, os EUA procuravam desenvolver um meio de comunicação que ficasse intacto em caso de um bombardeio.

Curiosamente, o mesmo não aconteceu com o Bluetooth, apesar de ser influenciado pela internet.

No final da década de 1980, uma empresa sueca resolveu investir em uma nova forma de transmissão de dados. Essa empresa era a Ericsson Mobile. O diretor de tecnologia da empresa, Nils Rydbeck, pensava em como transmitir sinais de rádio de um computador para um fone de ouvido.

Já na década de 1990, o Bluetooth tinha sido desenvolvido. Entretanto, popularizou-se somente depois do começo dos anos 2000 quando a Ericsson passou a usá-lo em seus celulares.

Sua frequência é muito parecida com a do Wi-Fi, por isso, pode causar confusões a quem não conhece muito bem suas diferenças. Listamos aqui algumas características do Bluetooth para facilitar nessa diferenciação:

  • Seu raio de alcance é menor que o do Wi-Fi;
  • É utilizado para conectar com outros aparelhos;
  • Não te conecta à internet;
  • Caso os aparelhos se distanciem muito um do outro, perderão a conexão;
  • Você não precisa de um roteador;
  • Não existe um servidor central.

Bluetooth

O funcionamento do Bluetooth

No começo dos anos 2000 apareceram os primeiros celulares da Ericsson com um pequeno botão que assemelhava-se a um B. Era o Bluetooth e naquele momento passou desapercebido por muitas pessoas, ficando mais famoso somente 10 anos depois.

O seu funcionamento é bem simples. Por meio de ondas, ele envia arquivos para outros aparelhos que também tenham Bluetooth. Assim, podemos transmitir algo sem ter de usar a internet ou um pen-drive, CD ou os antigos e obsoletos disquetes.

A conexão se dá por meio da piconet, uma rede que só é acessada com o Bluetooth. Ou seja, não é possível entrar nessa rede com outro meio de conexão. A piconet é bem segura às possíveis invasões de hackers, permitindo apenas que oito aparelhos sejam ligados a ela por conexão.

Assim, não há qualquer dificuldade para um usuário, basta apenas conectar dois aparelhos e aproveitar.

Dificilmente alguém que você não queira receberá os dados, diferente do que pode acontecer com os seus dados expostos na internet.

Curiosidade: mas que símbolo estranho é esse?

Talvez você já tenha estranhado o símbolo do Bluetooth, que mais parece a junção de um K invertido com o B pontudo. Porém, ele não é acidental. É a união de H e um B, as iniciais de um rei: Harald Blatand. Este governou nos anos 900 e conseguiu unir a Escandinávia, uma região na Europa que abrange alguns países.

Os inventores da tecnologia não pretendiam unir vários países. Eles nem sequer eram governantes ou estavam interessados na políticas. Mas pretendiam juntar aparelhos que antes pareciam não ter qualquer semelhança: os computadores e os celulares. Para eles, quase uma missão diplomática e extremamente difícil.

Foi uma ótima visão de futuro e que fez Ericsson faturar bastante. Mais do que unir dois aparelhos, conseguiram também unir mais as pessoas para que elas pudessem trocar informações e dados com eficiência.

Bluetooth

Como parear?

Às vezes estamos em uma festa ou reunião de amigos e queremos escutar uma boa música que está em nossos celulares. Com o Bluetooth, você pode parear uma música de seu artista favorito em uma caixa de som para que todos possam curtir. Basta que seja um áudio, normalmente no formato mp3, que você conseguirá reproduzi-lo diretamente na caixa de som.

Em outros momentos, se você estiver sem conexão com a internet, poderá querer transmitir uma foto de seu celular para o celular de seu amigo. Para isso, também basta parear os aparelhos para que a foto seja enviada.

Entretanto, você pode ter ficado com a dúvida: “Mas o que é parear? Como faço isso?”

A resposta é simples. Basta que você tenha no mínimo dois aparelhos que possam ser conectados por Bluetooth. Por exemplo, um celular e uma caixa de som portátil. Basta que você localize nas configurações de seu celular o botão que se assemelha ao B e clique nele para habilitá-lo. Faço o mesmo na caixa de som. Pronto.

Em alguns casos é solicitado um número pin. Mas não se assuste, não é nenhuma senha que você terá de decorar. Um número aparecerá em um dos seus aparelhos para ser digitado no outro. Porém, isso não acontece em uma caixa de som. Nela você poderá conectar qualquer aparelho sem a necessidade de digitar qualquer número.

Os dois estarão pareados e você já pode escolher suas músicas e áudios para escutar em alto e bom som.

Caso queira parear o seu celular com o rádio do carro, faço o mesmo. Basta sempre garantir que ambos tenham Bluetooth e que estes estão ativados.

Você também pode ligar um computador a uma caixa de som, um fone de ouvidos sem fio ao seu celular ou computador, sua televisão… e muitos outros aparelhos no futuro poderão ser conectados, até mesmo sua geladeira!

Considerações finais

Estamos em um momento de compartilhamento, a era do share que se instaurou e que representa inúmeras modificações no nosso comportamento.

Registrarmos os nossos melhores momentos nas redes sociais ou ao enviarmos áudios, músicas, mensagens, fotos e outros arquivos para nossos amigos. O Bluetooth é mais uma tecnologia que veio para nos ajudar. Seu uso é muito fácil e prático.

Não tenha receio e aproveite seus benefícios. Só tenha atenção para não compartilhar o que não quer com a pessoa errada. No mais, é só curtir e compartilhar.

About the author

yasmin