Geral

Significado e origem da palavra “amor” e seus principais usos

Amor significado

Amor é uma palavra daquelas que ouvimos todos os dias e várias vezes por dia. Mas será que entendemos realmente o que ela significa?

Neste artigo vamos te mostrar que o significado dessa palavra é tão amplo quanto o sentimento que ela define. Vamos também falar um pouco mais sobre seus diversos usos em diversos contextos.

Abra seu coração e conheça um pouco mais sobre a palavra que define o mais nobre dos sentimentos.

Qual o significado formal da palavra “amor”?

Ao procurar a palavra “amor” no dicionário, nos deparamos com a seguinte definição: “forte afeição por outra pessoa, nascida de laços de consanguinidade ou de relações sociais.”

Outra explicação do verbete é “afeição baseada em admiração, benevolência ou interesses comuns; forte amizade.”

Ou, ainda: “devoção de uma pessoa ou um grupo de pessoas por um ideal concreto ou abstrato.”

Assim, vemos que, formalmente falando, a palavra “amor” é utilizada para definir um sentimento. Entretanto, ao longo dos séculos, a palavra amor foi sendo ressignificada e muitos filósofos e pensadores procuraram explicar ou definir não apenas a palavra, mas o sentimento.

Amor platônico

Entre os filósofos e pensadores que buscaram explicar e definir esse sentimento, um deles ficou mais conhecido e seu pensamento ainda é repetido e ensinado.

Platão foi um matemático, filósofo e pensador que viveu na Grécia Antiga. Ele criou uma definição de amor que perdura até os dias atuais.

Com o passar dos anos, o conceito elaborado por Platão foi perdendo sua essência. O que hoje conhecemos como a teoria de Platão sobre esse sentimento não tem quase nenhuma relação com a teoria inicialmente desenvolvida por ele.

Hoje entendemos que o amor platônico é aquele que nutrimos por ideais inatingíveis. E não importa se esse ideal é uma pessoa, o desejo de seguir uma profissão, uma casa luxuosa ou um carro esportivo caríssimo.

Entretanto, essa não foi a teoria proposta inicialmente pelo filósofo da antiguidade. Platão definiu o amor como a busca incessante por algo.

Quando ele dizia que se tratava da busca por algo inatingível, ele queria dizer que o indivíduo não deveria se satisfazer com a sua busca. Quando atinge um objetivo, ele deve ser ampliado para que o indivíduo sempre esteja buscando um novo objetivo.

O amor platônico, então, era mais relacionado ao sentimento nutrido pela busca e não pelo objetivo propriamente dito.

Amor significado

O sentimento só pode ser romântico?

Muita gente confunde o sentimento amoroso. Para alguns, ele pode ser apenas sentido da forma romântica. Entretanto, o amor se apresenta nas mais diversas formas. Trata-se, na verdade, do sentimento mais abrangente que existe.

Uma pessoa ama seu par romântico. Ou ama alguém sem se declarar ou sem ser correspondido. Mas a mesma pessoa ama seus amigos, ama seus pais, ama seus filhos, ama seus familiares. Uma pessoa pode amar sua casa, seu carro, seu animal de estimação, suas roupas.

O amor é um sentimento muito amplo que é sentido o tempo todo por todos. Todo mundo ama alguém. Há inclusive quem afirme que os animais são capazes de amar e de demonstrar esse sentimento.

A história de Hachiko

A mais famosa expressão do amor e da devoção de um animal de estimação pelo seu dono está eternizada na famosa estátua de Hachiko.

A história é muito conhecida no Japão e emocionou o mundo ao ser interpretada no cinema por Richard Gere, no filme “Sempre ao seu lado”, de 2009.

Hachiko era um cão da raça Akita, que viveu na cidade de Shibuya. Durante o início de sua vida, Hachiko era o fiel companheiro do professor da Universidade de Tókio, Hidesaburō Ueno.

Todos os dias, o cão acompanhava seu dono no percurso de casa até a estação de trem pela manhã. Retornava sozinho para casa e, no final do dia, seguia sozinho para a estação a fim de esperar seu dono no retorno para casa.

Por uma infelicidade do destino, o professor Ueno um dia saiu para trabalhar e não retornou. Durante o período de trabalho, ele sofre um AVC (acidente vascular cerebral) que o matou.

Deste dia em diante, por todos os dias de sua vida, Hachi foi à estação no fim da tarde esperar o retorno de seu dono. Após a morte do professor, Hachi morar com a família de seu dono em outra cidade, mas fugiu para continuar esperando seu senhor.

Amor significado

O jardineiro da família Ueno, que conhecia Hachiko desde filhotinho, tentou adotar o cão. Mas a tentativa foi em vão. Hachi continuou indo para a sua velha casa e todas as tardes ia para a estação, onde esperava até anoitecer.

Com o tempo, Hachi percebeu que sua família não morava mais naquela casa, então passou a perambular pelas ruas da vizinhança. Entretanto, ele nunca deixou de ir esperar seu dono na estação no fim do dia.

Rapidamente as pessoas perceberam a presença constante de Hachi na estação. Muitos chegaram a vê-lo com seu amado dono.

Sua fama percorreu o Japão. Sua lealdade e devoção passaram a ser símbolos do amor que um animal é capaz de dedicar a um humano.

A vida não foi generosa com Hachi e mesmo as pessoas o alimentando e tentando cuidar dele, morar nas ruas foi aos poucos judiando de seu garboso corpo. Hachi morreu aos onze anos de idade, com muitas marcas de feridas e doenças que teve.

Uma estátua foi erguida em sua homenagem na frente da estação, enquanto ele ainda era vivo. Outra estátua dele foi erguida quando ele morreu, junto à estátua de seu dono, na universidade onde ele era professor.

Seus ossos foram enterrados junto de seu dono, para que ele pudesse finalmente reencontrá-lo e passar a eternidade junto a ele. A pele de Hachi foi embalsamada e pode ser vista em exposições no Japão.

Considerações finais

O amor não à toa é considerado o mais nobre dos sentimentos. Atinge todas as idades e abrange muitas espécies.

Neste texto, esperamos ter conseguido te ajudar a entender que explicar as definições da palavra “amor” é uma tarefa tão ampla e complexa quanto as dimensões do sentimento.