Língua Portuguesa

Conjunção: classe gramatical que possui como função ligar termos e orações. Entenda!

O que são conjunções?

Conjunção é nome dado a uma das classes gramaticais da língua portuguesa e que tem como principal função ligar, juntar ou unir termos ou oração para que haja uma verdadeira concordância.

As conjunções podem ser divididas em coordenativas e subordinativas. Além disso, dentro de cada uma delas ainda pode haver uma subdivisão de acordo com determinados sentidos ou estruturas de uma sentença.

Veja também – Significado de energúmeno

Classificação das conjunções

Gramaticamente as conjunções podem ser classificadas das seguintes formas:

Subordinativas

São aquelas que possuem como principal função ligar duas orações que dependem uma da outra. São subdivididas em dez tipos:

  • Causais: dão uma ideia de causa, tais como: visto que, porque, desde que, uma vez que, já que, que, como, etc.
  • Concessivas: são aquelas que exprimem contradições, tais como: se bem que, apesar de que, ainda que, por mais que, mesmo que, embora, etc.
  • Integrantes: fazem com que uma oração complemente o sentido da outra, tais como: que, se.
  • Condicionais: são aquelas que indicam condições ou possíveis hipóteses, tais como: a não ser que, salvo se, se, contanto que, desde que, caso, etc.
  • Comparativas: como o nome diz, são usadas para fazer comparações, tais como: do que, como, que, qual, etc.
  • Temporais: são aquelas que indicam tempo, tais como: logo que, quando, sempre que, quando, assim que, depois que, desde que, etc.
  • Finais: são aquelas que dão ideia de finalidade, tais como: para que, porque, a fim de que, etc.
  • Conformativas: são aquelas que indicam acordos, tais como: consoante, conforme, como, segundo, etc.
  • Proporcionais: são aquelas que indicam coexistência, tais como: quanto (melhor, menor, menos, maior, mais), à medida que, ao passo que, etc.
  • Consecutivas: são as que exprimem consequências, tais como: de forma que, que, de modo que, etc.

Coordenativas

São aquelas que possuem como principal função ligar duas orações independentes. Elas são subdivididas cinco:

  • Alternativas: são aquelas que indicam pensamentos, tais como: seja.. seja, ou, quer…quer, ora…ora, etc.
  • Explicativas: são aquelas que apresentam motivo, tais como: por conseguinte, porquanto, que, pois, porque, etc.
  • Aditivas: são aquelas que apresentam ideia de soma, tais como: como também, e, bem como, não só…mas também, nem, etc.
  • Conclusivas: são aquelas que apresentam ideias de conclusão, tais como: portanto, pois, logo, por consequência, por isso, etc.
  • Adversativas: são aquelas que indicam oposição, tais como: entretanto, todavia, contudo, porém, não obstante, mas, etc.

Artigos relacionados:

About the author

Jessica