Geral

Qual é a diferença entre nacionalidade e naturalidade?

Pode parecer besteira, mas entender a diferença entre nacionalidade e naturalidade é fundamental na hora de preencher formulários de dados pessoais, seja para se inscrever em um curso, se hospedar em um hotel ou mesmo para preencher um currículo e se candidatar a uma vaga de emprego.

E, na maioria das vezes, as pessoas acabam confundindo esses dois termos, por se equivocarem na interpretação dessas palavras. Pensando nisso, e para ajudar você que chegou até esse artigo, a seguir, nós vamos esclarecer qual é a diferença entre nacionalidade e naturalidade. Assim, você nunca mais irá se confundir. Confira!

Entendendo a diferença entre nacionalidade e naturalidade

O que é nacionalidade?

Nacionalidade refere-se ao país onde você nasceu ou possui cidadania naturalizada (no caso de estrangeiros que passam a residir no local de forma permanente).

Veja também – Austeridade

Por exemplo, para quem nasceu no Brasil, a nacionalidade é brasileira. Quem nasceu na Inglaterra, possui nacionalidade inglesa, e assim por diante.

É possível ter mais de uma nacionalidade (dupla ou tripla cidadania), segundo a lei, nestes dois casos:

  • Direito de solo (jus solis) – Obtida por meio do local (cidade/estado) de nascimento da pessoa;
  • Direito de sangue (jus sanguinis) – No caso de um cidadão que não nasceu no Brasil, por exemplo, mas o pai ou a mãe possua nacionalidade brasileira, a pessoa terá direito à duas nacionalidades, que é a de sua mãe e do seu pai.

Para obter a nacionalidade de outro país, o período para a concessão pode variar de acordo com a legislação e regras específicas de cada nação. No Brasil, um estrangeiro pode se naturalizar brasileiro depois de viver, no mínimo, 15 anos de forma ininterrupta em território nacional.

Veja alguns exemplos de nacionalidade para frisar melhor o assunto:

  • Veneza: quem nasceu lá (ou possui cidadania naturalizada) é veneziano (a).
  • Argentina: quem nasceu lá (ou possui cidadania naturalizada) é argentino (a).
  • França: quem nasceu lá (ou possui cidadania naturalizada) é francês (cesa).
  • Itália: quem nasceu lá (ou possui cidadania naturalizada) é italiano (a).
  • Espanha: quem nasceu lá (ou possui cidadania naturalizada) é espanhol (a).

O que é naturalidade?

Naturalidade, por sua vez, refere-se ao município, cidade ou estado em que uma pessoa nasceu.

Diferente da nacionalidade, não é possível obter mais de uma naturalidade, já que se mudar para outro local ou qualquer outra forma de alteração residencial pode ser agregada à informação sobre a cidade, município ou estado onde nascemos.

Veja alguns exemplos de naturalidade para frisar melhor o assunto:

  • Camila tem naturalidade de Porto Alegre (RS).
  • Sérgio é natural de São José do Rio Preto (SP).
  • Laura possui naturalidade de Niterói (RJ).

Como preencher a nacionalidade e naturalidade em fichas?

Exemplo:

  • Nome: Maria das Graças
  • Nacionalidade: Brasileira
  • Naturalidade: Manus – AM

Entendeu direitinho a diferença entre nacionalidade e naturalidade? Compartilhe nas suas redes sociais!

Até a próxima!

Veja também:

About the author