Língua Portuguesa Geral

Ano bissexto: O que é e por que precisamos dele. Confira!

O que é o Ano bissexto

Podemos entender como ano bissexto todos os anos que possuírem 366 dias no calendário, ou seja, um dia a mais do que os demais anos.

Esse ‘um dia a mais’ que vem em companhia desses anos bissextos, surge justamente no mês de fevereiro, que ao invés de ter 28 dias, passa a ter 29.

Veja também:

Para que possamos entender melhor como funciona os anos bissextos, precisamos entender um pouco mais sobre como funciona o calendário adotado por nós.

O calendário que seguimos atualmente é chamado de gregoriano, e ele afirma que anos bissextos devem acontecer de quatro em quatro anos. No entanto, nem sempre isso acontecerá, pois os anos de viradas de séculos não são considerados anos bissextos, a não ser que esses possuam os dois primeiros algarismos divisíveis pelo número quatro.

Por que temos anos bissextos

Os anos bissextos existem com o objetivo de regular o nosso calendário anual com relação ao tempo que a terra leva para orbitar o sol, que é pouco mais de 365 dias. A esse movimento damos o nome de translação.

Mais especificamente, a terra demora 365,24219 dias para dar esse volta no sol. Dessa forma, a cada quatro anos, esses números quebradinhos quando arrendondados, nos dá um dia inteirinho. Esse dia, como conhecemos, é adicionado ao mês de fevereiro, por ser o mês mais curto do calendário. Logo, os anos bissextos são os anos que possuem o dia 29 de fevereiro.

Além disso, esse tipo de ano foi criado com o objetivo de ajustar esse erro que poderia afetar nosso calendário e causar eventos sazonais referentes às estações do ano ao longo do tempo. Sendo assim, acrescentamos um dia a cada quatro anos para evitar esse possível erro.

Ainda lá atrás, mais especificamente em 238 a.C, o ano bissexto foi apresentado pela primeira vez pelo cientista grego Ptolomeu III, no Egito. No entanto, ele só entrou no calendário Juliano quase 220 anos depois.

Por conta do excesso de horas devido ao calendário solar, alguns anos depois o imperado César Augusto propôs um novo calendário com a implementação de um dia no ano de quatro em quatro anos.

Por último, veio o ‘calendário gregoriano’ utilizado por nós até hoje, que começou a considerar como ano bissexto todos aqueles múltiplos de quatro e não múltiplos de cem (exceto os múltiplos de 400).

Como Calcular o Ano Bissexto?

Como dito acima, anos bissextos são múltiplos de 4, não podendo ser múltiplos de 100 a não ser que sejam múltiplos de 400. Parece complicado, né? Mas vamos lá:

Os anos precisam ser múltiplos de 4 = ex: 2004, 2008, 2012, 2016…

Não podem ser múltiplos de 100= ex: 1800, 1900,2100…

Não podem ser múltiplos de 100 (exceto os múltiplos de 400)= ex: 1600, 200, 2400…

Para entender melhor, basta dividir o ano por 4 e se der um número exato, o ano será bissexto. Por exemplo:

2004/4= 501 (bissexto)

2010/4= 502,5 (não é bissexto)

Confira os próximos anos que serão bissextos:

  • 2020
  • 2024
  • 2028
  • 2032
  • 2036
  • 2040
  • 2044
  • 2048
  • 2052
  • 2056
  • 2060

Artigos relacionados: 

About the author

Jessica