Expressões em inglês Tecnologia

Deep Web é a camada profunda da internet. Confira!

O que é Deep Web?

O nome ‘Deep Web’ ficou mais reconhecido ultimamente com as diversas citações dos noticiários. Por estar constantemente associada a conteúdos ilegais e obscuros, a imagem que as pessoas possuem desse universo é a pior possível, mas o que as pessoas não sabem é que constantemente elas acessam a Deep Web.

Todos os dias acessamos diversos sites e, para isso, basta digitar o endereço deles na barra do navegador. Quando realizamos esse primeiro passo, mandamos o Google, por exemplo, procurar endereços dos sites em bases de dados online, e isso acontece tão rapidamente que é quase impossível de ser percebido.

Sendo assim, é através dessas buscas que os computadores ou aparelhos móveis se comunicam com os sites e seus respectivos aplicativos e transações, mas ,na Deep Web, não é tão simples assim.

Como funciona e como acessar a Deep web

Primeiramente, o seu computador precisa falar a mesma língua da Deep Web para conseguir visualizar bancos de dados específicos (e nem sempre tão conhecidos assim), entender os outros tipos de conexões que levam até os domínios e, por fim, decifrar o conteúdo dos sites que você pretende acessar.

Um dos exemplos de navegadores mais utilizados para acessar a Deep Web é o ‘Tor Browser’, que faz o acesso anônimo da web através de diversos nós dentro da rede, e esses ‘nós’ são as diversas rotas necessárias para chegar ao endereço final.

Trata-se, na verdade, de uma grande corrente de computadores redirecionando os acessos entre si e tornando muito mais difícil saber de onde alguém acessa algo. Enquanto na conexão normal é possível descobrir a identidade do usuário ao fazer uma simples decodificação por IP, na Deep Web, esses diversos ‘nós’ tornam o trabalho muito mais difícil.

Existem ainda outras diferenças da chamada Deep Web. Além do navegador especial para acessá-la, o conteúdo aqui é mais difícil de ser encontrado, já que todos os endereços são completamente invisíveis e indisponíveis para buscas.

Alguns sites nessas redes possuem outras camadas de seguranças, exigindo ate mesmo uma máquina mais potente para aguentar a encriptação em várias camadas.

Em resumo, dentro da Deep Web, é mais difícil achar coisas. Portanto, mais fácil escondê-las. É por esse motivo que quando as pessoas ouvem ‘Deep Web’, elas pensam em drogas, crimes e bombas nucleares. E sim, é possível fazer uso de materiais criminosos na rede. Mas ver a Deep Web exclusivamente como uma ferramenta para materiais criminosos é errado e ignorante.

Camadas da internet

A internet possui basicamente três camadas. São elas:

  • Surface Web= a camada que conhecemos, acessamos e onde encontramos o Google, Youtube, Yahoo, etc.
  • Deep Web= Como já mencionamos, é onde podemos encontras anonymous, bittorrent, proxies de anonimato como o ‘Tor’, etc.
  • Dark Web= a Dark Web é a camada mais profunda da Deep Web e é nela que muita coisa terrível é comercializada e escondida, tais como: Killers, Pedo Planet, tráficos, drogas e tudo de mais terrível.

Deep Web x Dark Web

Quando acessamos nossa conta no banco, já estamos na Deep Web. Conteúdos como processo em tramitações nos tribunais e tudo mais que não for de fácil acesso estão na Deep Web, isso para garantir a segurança e o anonimato dos dados.

No entanto, criminosos encontraram uma forma de cometer seus crimes em uma camada mais profunda da Deep Web, a camada mais conhecida como ‘Dark Web’ e que são impossíveis de serem rastreadas. Não que a Dark Web seja de fácil rastreio, porque não tem como rastrear, mas a Dark Web possui mais camadas e até para acessar precisa ser feito através de máquinas mais potentes.

A Dark Web (internet obscura) é como se fosse a parte mais profunda da internet profunda. Ela é o subnível da Deep Web.

Artigos relacionados: