Uncategorized

Significado de Páscoa: origem e conceito

Páscoa

O domingo de Páscoa, para muitas pessoas, principalmente para as crianças, é uma data marcada simplesmente pela troca de ovo de chocolate. Mas ela não significa apenas isso! Essa data tem um significado muito forte para todos os cristãos, pois é o momento da ressurreição do filho de Deus, Jesus Cristo.

Essa data é comemorada anualmente e já faz parte do calendário de festividades do país. No hemisfério sul, onde encontra-se o Brasil a Páscoa sempre é entre os dias 22 de março e 25 de abril.

Existem muitas diferenças entre as religiões cristãs em relação a comemoração dessa semana santa. Por exemplo, os católicos são orientados pelos seus líderes religiosos a não comerem carne, já os protestantes que também acreditam em Jesus Cristo, não possuem esse tipo de restrição alimentar.

Para a Igreja Católica, o período da semana santa é um dos mais movimentados, existindo cerimônias, rituais e orações em todos os dias da semana que antecedem a Páscoa. Para os protestantes, o período de maior oração e festividade começa na sexta feira santa ou da paixão como também é conhecida.

O que é a quaresma?

A quaresma é um período de 40 dias que antecedem a Páscoa, onde a religião católica se dedica a relembrar a morte de Jesus Cristo e seu período de penitência no deserto. Neste período, os líderes religiosos orientam que seus fiéis pratiquem a comunhão, o jejum e a oração.

É comum que as famílias católicas não consumam carne, bebidas alcoolicas e nem se façam muitas festas, pois é um período de resguardo, para eles a ressurreição e o renascimento acontecerão em breve.

A sagrada semana santa começa no domingo antes do domingo de Páscoa, chamado de domingo de ramos, pois relembra a entrada de Jesus em Jerusalém, onde é recepcionado por todos os judeus com ramos de plantas.

A sexta feira é um dos dias considerados mais tristes para os cristãos, pois é quando ocorre a morte de Jesus na cruz. Mas, no domingo acontece a sua ressurreição, renascendo para a vida na Terra, onde sua primeira aparição é feita para os seus discípulos.

Páscoa

Entenda o que é a Páscoa, sua origem e conceito!

A palavra Páscoa ou Pessach é de origem hebraica e seu significado é “passagem”. Além de todo esse significado cristão de renascimento, ela significa também a passagem do inverno para a primavera nos países do hemisfério norte.

Ao contrário do que muitos cristãos pensam, a Páscoa é uma data comemorativa que já existia há muitos anos. Foram os judeus que a criaram, para comemorar a libertação da escravidão, feita pelos egípcios, que teve duração de mais de 400 anos.

Inclusive, segundo historiadores, Jesus Cristo participava dessas celebrações judias, desde quando tinha 12 anos, levado pelos seus pais José e Maria.

De acordo com especialistas, consta no Antigo Testamento, que Jesus Cristo comemorou a sua última Páscoa, justamente na “Última Ceia”, com os 12 apóstolos. Nesta celebração, importantíssima para os cristãos, onde existe até hoje obras de arte referentes a ela, ocorreu a chamada comunhão do sangue e do corpo, representado pelo vinho e pelo pão que Jesus repartiu entre todos os presentes.

Dentro dessa festividade e de todos os acontecimentos que aconteceram com Jesus Cristo, existem alguns símbolos importantes, conheça alguns deles:

Símbolo da cruz

Este símbolo para os cristãos significa, a vitória que ele teve sobre os seus inimigos e principalmente sobre a morte.

Símbolo do pão e do vinho

Estes elementos tem um significado muito grande, pois representa a vida eterna de Jesus, foi na última ceia que ele ofereceu esses dois alimentos para os seus discípulos como sendo o pão o seu corpo e o vinho o seu sangue.

Símbolo do cordeiro

Este símbolo é o sacrifício feito por Jesus em favor do seu rebanho, da humanidade principalmente.

Símbolo dos óleos milagrosos e santos

A Igreja Católica utiliza os óleos sacramentais em suas cerimônias de batismo e crisma. Esses óleos representam o Espírito Santo e são abençoados pelos bispos e padres. Essas missas acontecem sempre na quinta feira santa.

Símbolo da água

A água é utilizada como um símbolo de pureza e renovação do corpo de Jesus Cristo.

Símbolo do coelho

O coelho simbolicamente representa a fertilidade e a capacidade que a instituição católica tem de conquistar cada vez mais fiéis. Contribuindo efetivamente para a propagação da mensagem de Jesus Cristo ao mundo.

Páscoa

Por que a Páscoa é comemorada com ovos de chocolate?

Para os cristãos que existem no Oriente, o ovo é um símbolo de renascimento e renovação, além de força, pois mesmo cozido não perde a sua forma.

Eles fizeram essa associação, pois a ave que está dentro de um ovo, precisa ter força para quebrar a casca e renascer. O mesmo teria acontecido com Jesus, pois para ressuscitar é necessário ter muita força.

Em muitos lugares, no domingo de Páscoa é comum pintar os ovos com diversas cores e trocar como forma de presente.

Os ovos de chocolate ou feitos de açúcar foram inventados anos mais tarde. A indústria, atualmente viu esse produto como sendo uma excelente oportunidade para ganhar dinheiro.

Hoje em dia, o domingo de Páscoa se tornou uma celebração onde a troca principal acabou sendo o ovo de chocolate.

O chocolate não tem nenhum tipo de simbolismo e foi adotado como matéria prima por volta do século XIX, onde as confeitarias francesas começaram a comercializar ovos feitos de chocolate nessa época do ano.

Os europeus só conheceram essa matéria prima, depois que a América foi descoberta, e os astecas tiveram contato com os espanhóis. O povo asteca tinha como hábito, o cultivo do cacau.

Aqui no Brasil, até a década de 40, era comum que os ovos fossem feitos apenas de açúcar com balas de glacê. O chocolate se tornou o ingrediente principal, só depois que as grandes empresas começaram a comercializá-lo.

Hoje em dia, você encontra ovos de todos os tamanhos e com diversos ingredientes. As crianças ainda continuam sendo as principais consumidoras, pois dentro desses ovos sempre existem brinquedos e surpresas diversas.