Língua Portuguesa

Significado de xará: o que é, definição e exemplos

A expressão xará possui vários significados, mas é comumente usada para apontar indivíduos que têm os nomes próprios iguais.

As frases “Ela é minha xará” ou “Como vai, xará?” são um exemplo comum da forma como se utiliza o termo. A palavra xará é um dos sinônimos de “homônimo”. No entanto, utiliza-se apenas para indicar a igualdade dos nomes das pessoas.

Veja também – Significado de abrupto

O sul do nosso país não utiliza essa expressão, mas a substitui por um sinônimo: tocaio. A palavra veio de uma região de Portugal chamada Trás-os-Montes.

Essa localidade está muito próxima das fronteiras dos países que falam o espanhol. Tanto por isso que talvez a origem tenha vindo de um outro termo parecido, tocayo, com o mesmo significado.

A expressão xará também pode ser usada como um vocativo. Este se dá em uma maneira de “chamar” alguém, de cumprimenta-lo. Neste caso, possui o significado de camarada, amigo ou companheiro dentro do universo das gírias brasileiras.

Observe o exemplo:

  • “Qual é, xará, tá tudo joia?”

Outra significância para o termo vem da dança que compõem o fandango de origem gaúcha. Ela também se chama Xará.

Como se escreve: é xará ou chará?

Várias pessoas se enchem de dúvidas quanto à grafia de certas palavras. Esta, em particular, é uma das que nos fazem vacilar na hora de escrever. Afinal, é com a letra “x” ou com as letras “ch” que se escreve?

A resposta certa é xará! O termo chará está incorreto e nem existe no nosso dicionário.

A etimologia da palavra xará

Uma das possíveis explicações para qual seria a origem do termo em questão vem das palavras tupi-guarani “sa rara”. Esta é uma expressão derivada de “se rera”, que significa “o que tem meu nome” na antiga língua indígena.

Indo além, outro caminho que se segue na busca pela origem do termo é com a palavra nahuatl. Esta significa “meu irmão, o meu nome próprio”. É comumente usada para classificar parentes dentro da tradição Nahua.

Contudo, a expressão em destaque tem origens bem controversas. Acredita-se piamente que xará também pode ter vindo do latim que se usa na fórmula das cerimônias de casamento romanas: ubi seu Gaius, ego ibi Caia. Isso quer dizer: “onde se está Gaio, lá estou eu Caya”.

Pode também ser entendido como “no lugar que você for chamado Cayo, também se chamará de Caya, onde eu te comando, algo enviará e será em casa o mesmo, ou seja, onde aqui é, ali será”.

Os xarás, ou homônimos, são bastante comuns, aparecendo em todas as partes do Brasil e do mundo. No entanto, o nosso país é o que se mostra mais afamado por ter indivíduos xarás em nome, prenome e sobrenome.

E mais uma fonte atribuída às origens da palavra, sendo aderida por diversos linguistas. Ao que parece, ela vem de Nahuatl (língua macro uto-asteca).

Caytl provém do verbo que quer dizer chamada ou nome, com a partícula “a” sendo um pronome em primeira pessoa do plural. Supõe-se que pelo original encerramento “tl” ser difícil de pronunciar, primeiramente pensou-se no “o” (cayotl). Assim sendo, a sua etimologia é “aquilo que é chamado” (xaerayotl).

Por que a palavra xará é escrita com x?

Como dissemos acima, o termo descrito vem de uma origem provavelmente tupi “sa rara”, derivando de “se rera”. Assim, como é originada de um termo indígena, deve ser escrita sempre com a letra x quando está em português.

A mesma coisa acontece com outras palavras, tais como xavante, abacaxi e capixaba.

xará

O substantivo que é comum para os dois gêneros

Sabendo dos sentidos que a expressão em destaque possui, pode-se classifica-la tal como um substantivo comum para ambos os gêneros. Isso acontece porque ela apresenta a mesma forma sempre, quer usada no feminino, quer usada no masculino:

  • A xará;
  • O xará;
  • Sua xará;
  • Seu xará.

Outros significados para a palavra xará

Além de ser um substantivo comum para os dois gêneros, a referida palavra pode ainda ser um substantivo masculino. Neste caso, seu significado ocorre como sendo um tipo de bailar pertencente ao fandango gaúcho.

Já se for usado na forma de adjetivo, é indicativo de cavalo com o pelo encrespado.

Os xarás dos famosos

Atualmente, em nossa sociedade, existe um fenômeno curioso que se vê em muitos blogs e publicações em todas as redes sociais. É algo que rapidamente se torna bastante popular por uma das partes envolver alguém que é bem famoso.

Quem tem a dita “sorte” de carregar consigo o nome ou sobrenome de alguém com grande fama orgulha-se de apresentar a carteira de identidade para comprovar tal fato. Algo desnecessário, mas que fazem com total prazer.

Imagine quem tem o mesmo nome do Brad Pitt, da Scarlett Johansson ou do Jô Soares? E vamos mais além… E se essas pessoas tiverem a mesma idade? Assim seria, obviamente, uma coincidência.

Mas existem alguns pais que colocam nomes nos seus filhos propositalmente para que sejam chamados como os ídolos e ícones mundiais. Carregar o peso de ser chamado igualmente a um famoso não deve ser fácil, não é mesmo?

Exemplos de frases com a palavra xará

  • O xará do meu primo apareceu na festa da escola ontem;
  • Minha vizinha tem duas xarás no seu curso de Inglês e nenhuma delas gosta do nome;
  • Além de ser xará do meu pai, é a cara dele;
  • Meu xará, quanto tempo!;
  • Qual é, xará? Não vai me emprestar aquela grana?;
  • Ele é meu xará, ao que parece;
  • Não vá por esse caminho, xará;
  • Então, xará, nunca mais jogou bola com a gente!;
  • Sou xará de um personagem dos quadrinhos muito engraçado e isso já me trouxe muitos problemas com as piadinhas dos meus colegas na escola;
  • A loja ficava na avenida central, onde o assassino confidenciou ter visto a vítima: a mulher de cabelos pretos, que não era tão bonita como a xará loira, que faleceu um dia depois;
  • Sob o modesto pseudônimo, que a faria xará de uma atriz famosa mundialmente, tornou-se a mais nova celebridade das redes sociais, tanto que precisou contratar seguranças para ir a um evento beneficente fora da cidade.

About the author

yasmin