Geral

Significado de sororidade: saiba mais sobre o conceito desse termo

O que é?

Sororidade significa a irmandade e união entre mulheres para alcançar os seus objetivos e interesses em comum. Trata-se de uma prática do feminismo contemporâneo.

Definição:

  • Origem: Do latim “sóror”, que pode ser traduzida como “irmandade” ou “irmãs”.
  • Sinônimos: Companheirismo, pacto, fraternidade, feminismo.
  • Antônimos: Rivalidade, concorrência, inimizade, desarmonia.
  • Classe gramatical: Substantivo feminino.

Entenda mais sobre o que significa sororidade

Quantas vezes você, mulher, já se pegou tentando competir com outra mulher?Provavelmente, não foi só você. Muitas mulheres agem dessa maneira ainda habituadas à crença do machismo estrutural, que propaga a ideia de que as mulheres não possuem a capacidade de empatia, ou seja, de colocarem-se no lugar das outras em determinadas situações, sendo gentis, companheiras e amigáveis umas com as outras.

Mas, depois que o termo sororidade nos últimos anos, isso começou a mudar. O conceito está fortemente ligado ao feminismo, sendo considerado um aspecto de dimensão ética, prática e política deste movimento de equidade entre os gêneros.

De acordo com esse movimento pela luta pelos direitos iguais entre homens e mulheres, a sororidade se trata do não julgamento prévio entre si das próprias mulheres que, na maioria das vezes, acabam ajudando a fortalecer estereótipos preconceituosos fundamentados na ideologia de uma sociedade machista e patriarcal.

No cotidiano, praticar a sororidade significa tratar outras mulheres como irmãs, e não como inimigas. Em vez de disputar entre si, unir-se para ajudar umas às outras a conquistarem objetivos em comum. É compreender a dor e os motivos da outra antes de apontar o dedo.

É ter sempre em mente que juntas as mulheres são melhores, menos fragilizadas, mais fortes, mais capazes. Afinal, a sororidade é uma das bases do feminismo e tem como base o apoio mútuo.

Sororidade seletiva

Este conceito de sororidade seletiva é usado nos casos em que há uma segregação entre subgrupos que estão inclusos no conjunto do que seria “ser mulher”. Isto é, refere-se à situações em que a irmandade entre mulheres é baseada em interesses pessoais de determinadas pessoas, deixando de lado o sentido de altruísmo e companheirismo empático.

A aplicação da chamada sororidade seletiva é vista entre feministas Terfs (Trans Exclusionary Radical Feminist), que não consideram a identidade do transgênero como mulher. Desta forma, neste exemplo é válido dizer que o companheirismo, união e apoio dessas feministas são seletivos, ou seja, destinados apenas às mulheres consideradas dentro do sexo feminino do ponto de vista biológico, desmerecendo a identidade comportamental.

Gostou de saber o que quer dizer sororidade? Compartilhe esse artigo com outras mulheres para que elas também saibam o que esse termo significa…

Até a próxima!