Uncategorized

Tudo o que você precisa saber sobre diversidade cultural

Todos os países possuem uma diversidade cultural muito grande. Ela pode ser notada através de diferentes aspectos como a linguagem, religião, culinária, costumes, política, entre outros presentes na sociedade. Entenda mais a seguir quais são as características levadas em conta para que essa diversidade se forme.

Visto por uns como uma forma positiva de troca de conhecimento e expansão da consciência humana, por outros a diversidade cultural é uma ameaça negativa dessa expansão da globalização em relação as tradições já existentes.

Alguns acreditam que sempre vai existir a perda dos costumes de um povo antigo e as suas características, mas será que é tão negativo assim, misturar as culturas?

Pode ser enriquecedor para ambos os povos que se misturarem, pois aprenderão informações novas e diferentes.

O que é essa diversidade cultural?

Muito tem-se falado sobre a diversidade cultural, mas poucas pessoas sabem de fato o que ela é e como age na sociedade.

Esse conceito foi criado para que pudéssemos compreender quais são esses processos que diferenciam uma cultura de outra ao redor do mundo. Quando se juntam múltiplos tipos de culturas, é formado o que se chama de identidade cultural, ou seja, uma marca para diferenciar tais costumes de um povo e outro.

Essa diversidade também tem um significado relacionado a pluralidade, diferenciação e variedade de costumes. Para entender melhor ela é o oposto de homogeneidade.

Com a evolução de cada nação e todos os processos que cada uma viveu com a colonização e a miscigenação cultural, praticamente todos os países do planeta apresentam uma diversidade cultural enorme. Isso significa que dentro de cada nação, existe um pedacinho da cultura e tradição de outra nação.

Atualmente, a UNESCO ou Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura criou e colocou em prática a “Declaração Universal sobre a Diversidade Cultural”.

Esse tipo de declaração é fundamental para que exista um reconhecimento da existência de múltiplas culturas e que todas elas fazem parte de uma herança cultural da humanidade. Esta declaração é um poderosíssimo instrumento de proteção e reconhecimento dessa diversidade cultural.

Como é a diversidade cultural do Brasil?

A diversidade cultural do Brasil começou a se formar no período em que foi descoberto. Já são 519 anos de descobrimento, muitos povos passaram por aqui e deixaram suas marcas como dissemos.

Os índios habitavam o país, a primeira cultura do Brasil, incontestavelmente eram deles. Com a chegada dos portugueses elas se misturaram e consequentemente foram se misturando mais à medida que novos povos foram chegando.

É possível perceber essa riqueza cultural e diversificada em todas as regiões do país. Na gastronomia, economia e arquitetura essas marcas culturais são mais evidentes.

Separamos o país por regiões para você conhecer a diversidade cultural que existem em cada uma delas, confira:

Região norte do país

Essa é uma das regiões que mais possui a presença marcante da cultura indígena. Na culinária é possível encontrar os pratos cupuaçu, tucupi e açaí, consumidos pela população indígena.

Região nordeste do país

Já a região nordeste do país apresenta uma forte influência cultural dos holandeses e africanos. Acarajé, vatapá, bobó de camarão são apenas alguns exemplos de pratos oriundos de outras tradições.

No setor religioso, a festa de Iemanjá é enorme e leva todos os anos, milhares de pessoas a visitarem a região norte.

Região centro-oeste do país

A região centro-oeste é uma das que possuem uma diversidade cultural imensa. Nessa região é possível encontrar pratos típicos do Paraguai por exemplo, como a sopa paraguaia, arroz com pequi, e peixes variados do Pantanal mato Grossense.

Região sudeste e sul do país

Essas regiões do país, apresentam uma miscigenação muito grande, principalmente no setor culinário.

São Paulo é um estado localizado na região sudeste do país e que apresenta um tipo de diversidade muito grande. Alguns dizem que esse estado é a casa dos brasileiros que se veem cansado e que vieram de outras partes do mundo.

A região sul do país recebe a influência de diversos imigrantes como os italianos, japoneses e alemães. Em Gramado RS você consegue ver o que estamos falando na arquitetura de diversas construções.

Comidas tradicionais como o churrasco, camarão, chimarrão, entre outros é uma característica de culturas vindas de outros povos.

A própria Oktoberfest, festa importante da cerveja que reúne centenas de pessoas todos os anos é uma influência da cultura alemã.

Exemplos de diversidade cultural brasileira

O país foi marcado com um verdadeiro legado de tradições e diferentes costumes de cada país que por aqui passou.

O Brasil foi construindo e resgatando a sua cultura e hoje em dia, é conhecido por algumas delas. Veja a seguir e conheça também quais são elas:

  • Churrasco;
  • Feijoada;
  • Caipirinha;
  • Obras belíssimas de Oscar Niemeyer;
  • Cordéis de histórias nordestinas;
  • Carnaval;
  • Arte de Portinari;
  • Bossa Nova e MPB.

Mesmo tendo a influência inicial de diferentes povos durante a sua descoberta e fazendo com que os nativos que aqui já existiam, perdessem a sua influência cultural, o Brasil hoje conseguiu ultrapassar a barreira dessas influências de outros países e atualmente mostrou ao mundo o que realmente veio dos índios.

O povo brasileiro é conhecido graças as características que os unem, alegria, otimismo, hospitalidade e carisma são a marca do povo.

Os estrangeiros que pisam no país e conhecem o povo brasileiro se surpreende com tamanha hospitalidade e generosidade. Todos descrevem-no como sendo um povo caloroso e que apesar de todos os problemas que existem no país, estão sempre rindo e fazendo festa.

São essas características observadas que são levadas em conta, principalmente quando se estuda como a diversidade cultural brasileira influencia outros países.

O que é a diversidade cultural religiosa?

Esse tipo de diversidade cultural, está mais relacionada com as religiões e sincretismo que existem.

Por exemplo, Iemanjá é um orixá cultuado na região norte e que não faz parte da cultura nativa do Brasil. Ela foi trazida graças a influência religiosa africana.

Na Bahia, anualmente existe a festa de Iemanjá, onde centenas de pessoas se reúnem para saudá-la e entregar oferendas no mar.