Língua Portuguesa

O que é apatia? Qual o seu significado? Como se manifesta?

Muito mais comum do que podemos imaginar, o estado de apatia atinge centenas de pessoas anualmente. Esse estado de saúde é muito grave, pois a pessoa atinge um estado psicológico de completa indiferença em relação a absolutamente tudo a sua volta. Nesses estados mentais não existe motivação e os desgastes no corpo são notáveis.

Cansaço, estresse, aumento da tristeza são emoções sentidas por quem está apático. Essa condição emocional mexe literalmente com toda a vida de uma pessoa, tornando-a muitas vezes incapaz de realizar suas atividades diárias normalmente.

Veja também – Significado de boçal

Quem sofre com a apatia pode sentir diversos tipos de incômodos no corpo físico, como fraqueza muscular, falta de motivação e emoção e completa indiferença por tudo o que está a sua volta. Não existe energia nessas pessoas que se sentem cansadas praticamente o tempo inteiro, o nome que se dá para essas condições é letargia.

Entenda qual o significado de apatia

De origem grega, a palavra apatia surgiu de apatheia, onde a raiz da palavra pathos significa tudo “aquilo que afeta o corpo e a alma”. É o completo estado de indiferença do corpo e da alma em relação a algum sentimento. A pessoa literalmente não se emociona com sentimento nenhum.

Existem doenças que possuem a apatia como um sintoma, na depressão é muito comum sentir esse tipo de manifestação apática. Muitas relatam um esgotamento no corpo físico, principalmente no sistema nervoso, muito parecido com um marasmo.

As pessoas que estejam passando por períodos apáticos costumam relatar um sentimento de total frieza e excesso de sonolência. Áreas visíveis são afetadas como o medo, a dor, o prazer e o desejo. Como consequência, o indivíduo se sente indiferente no que diz respeito aos seus sentimentos e o dos outros.

A filosofia define a apatia, como uma carência excessivas de paixões e afetos. Já na teologia, ela está relacionada com um desprendimento de todos os bens materiais por completo. Para esse tipo de linha de pensamento, a pessoa está sofrendo com episódios de apatia porque está mais distante de Deus ou que não tem forças e o suficiente para encontrar a sua própria fé.

Na psicologia essa apatia é uma característica onde as reações de âmbito afetivo estão bem abaixo dos níveis médios de relacionamento.

apatia

O que é a apatia social?

Esse tipo de apatia está muito presente na nossa sociedade ultimamente. Ela está relacionada principalmente com a falta de vontade de lutar e protestar contra algo que acontece na sociedade, como a corrupção na política e outros assuntos relacionados a sociedade.

Para entender melhor e ilustrar esse tipo de estado apático, é quando diversos indivíduos deixam de votar, porque acreditam que o seu voto não é tão importante assim para o rumo político do país.

Como a apatia se manifesta?

Existem algumas causas mais comuns que provocam os estados apáticos em um indivíduo como o estilo de vida que cada uma leva, os estados psicológicos não resolvidos que cada uma tem, como a depressão e as causas médicas, provocadas principalmente pelas doenças como a tuberculose, meningite e desidratação.

Sintomas

Assim que a pessoa começa a ter episódios de apatia, alguns sintomas começam a ficar mais visíveis. Veja a seguir:

  • Mudanças de humor;
  • Dores de cabeça;
  • Baixa imunidade;
  • Tensão principalmente na nuca e nos ombros;
  • Problemas com o sono;
  • Variações de apetite;
  • Palpitações cardíacas;
  • Aumento ou diminuição do peso;
  • Pensamentos negativos.

5 melhores tratamentos para se livrar da apatia

A apatia não nasceu com você, então se livrar dela é possível, você vai precisar ter um pouco mais de força para que ela não afete a sua vida.

Além, da nossa força de vontade que é o pontapé inicial para que comecemos qualquer coisa na nossa vida, existem tratamentos ótimos que podem ser feitos para quem sofre com esse desagradável incômodo.

Confira a seguir.

apatia

1 – Identifique o que está te deixando apático

Essa primeira dica é uma das mais difíceis de realizar, pois a maioria das pessoas não sabem de fato o que as estão deixando apáticas.

Entrar dentro de você mesma e descobrir as feridas que ainda estão abertas, ocasionando essa apatia não é uma tarefa fácil. Para se ter uma ideia, mexer em feridas antigas faz com que tenhamos algumas novas.

Mas, a dica é, vá fundo e descubra o que está te fazendo mal, busque se auto conhecer. Esse autoconhecimento pode te trazer de volta para a vida.

2 – Problemas foram feitos para serem resolvidos

Assim que você encontra os verdadeiros motivos para o surgimento da apatia, traçar um plano para que ela seja curada é fácil. A primeira pergunta que você tem que responder sobre o seu plano é como você vai executa-lo.

Faça listas das coisas que não estão te agradando de fato e como você mudaria cada uma delas. Entenda, pequenas mudanças podem fazer enormes diferenças.

3 – Não caia na rotina

Veja se a causa dessa apatia não está presente justamente no seu dia a dia. Ele é maçante? Que tal mudar a sua rotina?

Sair do trabalho e de repente fazer alguma atividade pode ser ótimo para a sua saúde mental. O ser humano precisa de momentos de lazer e divertimento para conseguir relaxar. Você tira férias?

Que tal fazer uma viagem com toda a sua família? Se não tiver uma, viaje sozinho.

4 – Faça exercícios físicos

Os exercícios físicos são excelentes para o corpo e alma. Além de proporcionar mais saúde, eles ajudam a manter você mais presente na vida.

Eles te ajudam a sair da rotina tão maçante do seu dia a dia.

Existem inúmeros tipos de exercícios físicos que podem ser feitos. Para quem gosta de levantar peso, a musculação é excelente, agora quem prefere os exercícios mais lentos, yoga e pilates podem ser excelentes.

Lembre-se que a única pessoa que pode escolher é você mesma, então não se influencie pela opinião das outras pessoas.

Se você faz um exercício físico sem gostar muito, ele se tornará apenas mais uma obrigação no seu dia.

5 – Procure ajuda profissional

Independente do que você escolher para acabar com a sua apatia, se consultar com um profissional especializado é uma excelente alternativa.

Eles são capacitados para atender as pessoas justamente nessas situações apáticas. Lembre-se, apenas o médico pode te indicar o melhor remédio.

Nunca se automedique, pois as consequências serão muito piores. Não desanime, pois existem fases consideradas ruins, mas que são totalmente passageiras.

Quando atravessamos uma fase ruim, a melhor está por vir.

About the author

yasmin