Língua Portuguesa

Descrição: significado e exemplos para entender melhor

Descrição

A palavra descrição faz referência ao ato de narrar, explicar ou detalhar algo por meio da apresentação das características daquilo que está sendo relatado. É um tipo de explicação na qual se narra aquilo que é importante para compreender algo ou situação.

A descrição é importante para linguagem, facilita o entendimento e ajuda na persuasão. Ao descrever as características de um novo produto o vendedor explica para que ele serve e quais as vantagens de se adquiri-lo. Ou ainda, alguém triste pode descrever a sua condição relacionando seus pensamentos, percepções e emoções.

O uso da descrição é feito em todas as formas de comunicação humana. No cotidiano, usamos a descrição para detalhar nossos pensamentos, expectativas e necessidades. Nas artes, manifestações como a literatura, o cinema ou a música usam da descrição para transmitir ideias, sentimentos ou explicar situações.

O que é descrição?

Uma descrição é o relato em detalhes sobre uma situação, um local, objeto, sentimento, pessoal ou qualquer outra coisa através da apresentação das principais características. Ao narrar, enumerar ou relacionar os detalhes do que está sendo descrito oferecemos elementos para compreende-lo através de suas principais marcas.

A descrição faz um relato daquilo que é mais importante para compreensão do que está sendo exposto. Através dela podemos compreender sensações, perceber detalhes ou enxergar propriedades daquilo que estão nos detalhando.

Um médico pode descrever a situação do paciente apresentando detalhes dos resultados dos exames, um analista financeiro pode fazer a descrição da situação econômica relatando as condições que interferem no cenário, ou ainda, um estudante pode descrever o entendimento da disciplina relacionando aquilo que compreendeu sobre o assunto.

Algo que é descrito é aquilo que foi relatado, detalhado, apresentado de maneira minuciosa. A descrição dos efeitos colaterais de um remédio é a explicação em detalhes daquilo que pode acontecer com a pessoa que consome o medicamento.

Descrição

Descrição: conceito e significado

A palavra “descrição” é um substantivo feminino, originada do latim descriptio. No plural se escreve descrições e a separação silábica é feita em des-cri-ção. Existem muitas palavras que são sinônimos de descrição, as principais são: explicação, apresentação, enumeração, exibição, explanação, explicação, exposição, narração, panorama, relatório, relação, etc.

O termo se refere à exposição, detalhamento ou representação de algo, situação ou lugar. Quando descrevemos alguma coisa estamos apresentando elementos ou detalhes para que aquilo seja compreendido, percebido ou entendido.

Ao descrevermos uma viagem, provavelmente, apresentaremos um relato sobre o caminho percorrido, as paisagens avistadas, os lugares interessantes, as histórias, costumes, cultura e os personagens do local.

A descrição pode ser feita de maneira oral, escrita e até através de imagens. Por exemplo, um gráfico sobre como preparar um bolo apresentará em etapas a descrição sobre o que deve ser feito para se atingir o objetivo.

Descrever também significa detalhar, enumerar, apresentar os pontos específicos. Da biologia, à literatura, passando pelo direito ou às ciências exatas a descrição é muito importante para apresentar algo através dos elementos que o compõe.

A descrição é entendida como a ação ou resultado de descrever as particularidades de algo. É a narração, enumeração ou apresentação daquilo que é característico, diferencial ou particular daquilo que estamos relatando, podendo ser um cenário, um objeto, pessoa ou situação.

Tipos de descrição

Existem duas maneiras de se utilizar a descrição. São elas a denotativa e a conotativa. Na primeira, procura-se realizar uma narração fiel e detalhada da realidade. É também chamada de descrição literal, ou seja, apresenta-se os fatos de maneira objetiva.

Já na descrição conotativa, é possível utilizar de subjetividade para se detalhar algo ou uma situação. Nesta forma de descrição, as palavras podem ganhar novos significados para auxiliarem no detalhamento ou valorização daquilo que está sendo descrito.

Um exemplo de descrição denotativa: João possui 32 anos, 80kg, cabelos pretos e encaracolados. No braço direito ele possui uma tatuagem de uma pequena âncora, feita em cor preta e, na perna esquerda a marca de uma cicatriz, com cerca de 10 centímetros.

Já a descrição conotativa procura chamar atenção utilizando palavras que valorizem ou enfatizem aspectos difíceis de serem descritos em um relato frio e feito com exatidão. Por exemplo: João viu que a morte tentou beijar-lhe; O aparelho fez um silêncio mortal.

Dependendo do contexto, e da técnica utilizada é possível criar uma descrição que contenha ao mesmo tempo elementos denotativos como outros conotativos.

Descrição

Exemplos do uso da palavra descrição

Como vimos, a descrição pode ser utilizada para muitas finalidades. Pode ser útil desde um relato detalhado de fatos reais, como por exemplo a descrição de um experimento científico ou ainda para fazer uma apresentação de um sentimento, percepção ou sensação.

Vamos acompanhar agora alguns exemplos do uso da palavra:

No texto havia uma descrição dos sentimentos vivenciados pelos personagens.

O contrato deve conter uma descrição detalhada das condições na qual o imóvel se encontra ao se entregue para o inquilino.

Aquela mulher era determinada, suas ações eram firmes e nada parecia demove-la ou capaz de faze-la desanimar.

O candidato estava muito ansioso e confuso durante sua apresentação na entrevista.

O local apresenta um clima agradável, com uma fauna exuberante e rica flora que encantam os viajantes que lá buscam beleza e tranquilidade.

O criminoso agiu de maneira fria, calculada e cruel impossibilitando a vítima de se defender.

A viagem foi agradável, porém ao chegarmos na praia encontramos um clima frio, chuvoso e com muito vento.

Descrição x Discrição

Por terem sonoridades parecidas as palavras descrição e discrição são normalmente confundidas. Porém, seus significados e utilização são diferentes.

Como vimos, a descrição tem por objetivo explicar ou detalhar algo, alguém ou uma situação. De forma detalhada apresenta-se os principais elementos que permitem a compreensão daquilo que está sendo descrito.

Já a palavra discrição, também é derivado do latim e sua versão inicial era “discretione”. Este termo faz referência a capacidade de agir de maneira reservada, com humildade e de forma sensata. Alguém discreto sabe agir sem chamar a atenção, sem expor-se ou de maneira adequada à situação. Por exemplo, alguém que sabe de um segredo deve manter a discrição para não chamar a atenção sobre a informação que detém.