Tecnologia

iPad: o que é e como funciona?

iPad

O iPad nada mais é que um tablet touchscreen desenvolvido pela Apple. O iPad original estreou em 2010. A Apple tem três linhas de produtos iPad: iPad, iPad mini e iPad Pro. Todos os modelos estão disponíveis em prata, cinza e dourado. Eles operam o sistema operacional móvel iOS da Apple e possuem conectividade Wi-Fi com recursos 4G opcionais.

A história do iPad

O trabalho da Apple com tablets remonta a 1991, quando o designer-chefe Jony Ive projetou o Macintosh Folio, um protótipo de computador de ardósia baseado no sistema stylus. A empresa começou a trabalhar no que seria o iPad apenas em 2004.

O fundador da Apple, Steve Jobs, revelou publicamente o iPad em um evento em San Francisco, no dia 27 de janeiro de 2010. O dispositivo tornou-se disponível para pré-venda em março e foi colocado à venda em abril. O primeiro modelo do iPad apresentava uma tela multitoque de 9,7 polegadas e pesava 1,5 quilo, com um processador A4 da Apple e uma bateria que durava até 10 horas.

Estava disponível com 16, 32 ou 64 GB de armazenamento. Todas as versões vieram com Wi-Fi, e modelos com conectividade 3G também estavam disponíveis. O preço do primeiro iPad variou de US $ 499,00 para a versão de 16 GB, somente Wi-Fi, para US $ 829,00 para a versão de 64 GB com Wi-Fi e 3G.

A Apple lançou o iPad 2 em março de 2011 e também interrompeu a produção do iPad original na época. O iPad 2 apresentava o dobro de memória que o seu antecessor e um processador A5. Ele também pesou menos e veio com uma bateria mais duradoura. As versões do iPad 2 foram descontinuadas quando a Apple lançou o iPad de terceira geração em março de 2012. O iPad de terceira geração foi o primeiro a ter conectividade 4G.

A Apple anunciou o iPad de quarta geração em outubro de 2012 e depois aumentou sua capacidade máxima de armazenamento para 128 GB. Ao mesmo tempo, a Apple lançou o iPad mini, uma versão de 7,9 polegadas do tablet.

Posteriormente a empresa lançou também o iPad Air, uma versão mais leve e mais fina do tablet, em outubro de 2013, substituindo o iPad de quarta geração. O iPad Air 2 foi lançado um ano depois.

O iPad Pro, um tablet maior e mais poderoso, semelhante a um notebook, foi lançado em setembro de 2015. A Apple também anunciou dois periféricos criados para funcionar com o iPad Pro: um teclado físico e uma caneta chamada Apple Pencil. Em 2017 foram lançadas novas versões do iPad Pro, aumentando as capacidades mínimas e máximas de armazenamento.

iPad

Substitua seu notebook

O iPad é extremamente eficiente no cumprimento das tarefas mais básicas de computação. Isso inclui procurar informações na internet, verificar e-mails e navegar no Facebook. Você pode até mesmo conectar seu iPad ao Facebook para que os aplicativos baixados possam se conectar à rede social e compartilhar informações com seus amigos.

Com o iPad você praticamente tem todas as funções de um computador em um aparelho mais compacto. Mas ele realmente substitui seu notebook ou computador desktop? Possivelmente. A verdadeira resposta está em suas necessidades pessoais. Algumas pessoas usam software proprietário que simplesmente não está disponível para o iPad, mas à medida que mais empresas convertem sua plataforma para a web, está ficando mais fácil romper com o sistema operacional Windows. E muitas pessoas ficam surpresas com o pouco que usam os computadores depois que compram um iPad.

Redes sociais

Não nos esqueçamos de todas as outras redes sociais. Na verdade, para um site como o Instagram, o iPad pode realmente melhorar sua experiência. A tela do iPad é executada em uma resolução maior do que a maioria dos monitores, o que significa que as fotos parecem absolutamente mais lindas.

A maioria das redes sociais tem um aplicativo correspondente, e como o iPad pode ser mais confortável de usar na cama do que em um notebook, a experiência da rede social pode realmente ser melhor. O iPad pode até reduzir a quantidade de luz azul à noite, o que pode ajudá-lo a ter uma melhor noite de sono.

Jogos

Embora possa ser mais conhecido por jogos casuais como Candy Crush, existem alguns títulos que até mesmo satisfariam o mais fanático dos jogadores. Os novos iPads possuem tanto poder gráfico quanto um XBOX 360 ou PlayStation 3, acompanhado do poder de processamento da maioria dos ntebooks, sendo capaz de proporcionar uma profunda experiência. E com determinados jogos, que tem seus comandos baseados no touchscreen, no iPad se tornam parte integrante do jogo.

Leia um bom livro

O iPad é um excelente leitor de livros, os famosos e-books. E além de comprar livros no aplicativo iBooks da Apple, você tem acesso a todos os seus títulos por meio do aplicativo Kindle. Isso faz do iPad uma ótima plataforma para ler livros de várias fontes diferentes. Você pode até mesmo sincronizar seus livros do Kindle para o iPad, para que você possa continuar de onde parou, independentemente do dispositivo usado.

Conecte com um teclado

A maior desvantagem de um tablet é a falta de um teclado físico. O teclado na tela não é ruim, e você pode até separá-lo e digitar com os polegares, mas poucas pessoas digitam tão rápido em uma tela sensível ao toque quanto conseguem em um teclado físico. Felizmente, há várias opções diferentes para conectar um teclado físico ao iPad.

Ele funcionará com a maioria dos teclados sem fio, e há vários casos de teclado que transformarão seu iPad em um dispositivo mais parecido com um laptop.

iPad

Siri, a assistente pessoal

O software de reconhecimento de voz da Apple, apresenta grandes utilidades que podem adicionar à experiência do iPad. Uma coisa que Siri pode fazer e pode fazer bem é atuar como assistente pessoal. Você pode usar a Siri para configurar compromissos e eventos, para lembrá-lo de fazer algo em uma determinada data ou em um determinado horário, e até usá-la como temporizador. Isto é, além de lançar aplicativos, tocar música, encontrar lojas e restaurantes nas proximidades, verificar horários de filmes e descobrir qual é a previsão do tempo para os próximos dias.

Outras funcionalidades do iPad

Você pode fazer absolutamente tudo com seu iPad. Ele possui processadores, softwares e capacidade de armazenamento tão grandes ou equivalentes aos computadores, desktops ou notebooks, convencionais. Entre outras funcionalidades estão:

  • Capacidade para assistir filmes, TV ou YouTube através de aplicativos como Netflix, Crackle e Hulu;
  • Sincronizar com iTunes criando sua própria estação de rádio personalizada;
  • Permite transmitir músicas e filmes do PC ou notebook para os outros dispositivos;
  • Videoconferência gratuita para qualquer outro usuário de iPad, iPhone ou iPod;
  • Câmera de 12 MB capaz de gravar vídeo 4K com recursos avançados de foco e reconhecimento facial;
  • Conectar-se à TV sem a necessidade de cabos e fios;
  • Utilizar seu iPad como GPS através de software avançado;
  • Digitalizar documentos transformando o iPad em um scanner;
  • Use-o como monitor adicional para seu computador;
  • O iPad pode atuar como caixa registradora e aceitar cartões de crédito;