Geral

Olho grego: seus significados, histórias e definições

Durante muito tempo, as pessoas, a partir de sentimentos instintivos, instantaneamente se preocupam com estranhos com olhos gananciosos ou mesquinhos voltados para si. Sabemos, por experiência própria, que os elogios efusivos devem ser tomados com um pouco de cautela em alguns casos, pois por trás de todos os sorrisos e olhos de adoração, a pessoa provavelmente está ansiosa para torcer o pescoço ou esfaqueá-lo por trás. Chamamos isso de mau-olhado e contra isso temos a ajuda do olho grego.

O que é o olho grego?

Trata-se de um pingente grego, que também é muito utilizado na cultura turca, feito com a pedra Nazar Boncugu, que literalmente significa “conta do mau-olhado”. E é, na verdade, uma conta de pedra, usada para proteger-se da aparência maligna.

A peça é um amálgama de vidro fundido, ferro, cobre, água e sal. Acredita-se que essa combinação particular de minerais e metais forneça um escudo contra as forças do mal.

Acredita-se que a pedra Nazar Boncugu desvia a energia negativa que está sendo direcionada para uma pessoa sobre si mesma, dispersando assim seus poderes. Quando o amuleto aparecer com alguma rachadura, significa que ele o protegeu contra o mau-olhado e deve ser substituído.

O pingente tem o símbolo de um olho trabalhado nele. O símbolo do olho é considerado um poderoso amuleto para proteção contra as forças do mal em quase todas as culturas do mundo, como judia, islâmica, hindu, budista e cristã.

A pedra Nazar Boncugu pode ser encontrada em quase todos os lugares, especialmente em bazares de especiarias. É feita de contas com algumas tonalidades de azuis.

Os gregos, assim como os turcos, acreditam que esse amuleto traz proteção contra o mal olhado. Atualmente é usado como um talismã. Muitos anciãos acreditam que a superstição do mal-olhado vem desde os primórdios da humanidade. A pedra pode ser encontrada nas culturas da maioria dos países.

O pingente de olho grego ainda é feito à mão usando meios antiquados, por trabalhadores de vidro altamente qualificados que realizam esse trabalho artesanal há 3000 anos. O pingente pode ser usado em diversas joias como colares, pulseiras, anéis e tornozeleiras, assim como é muito comum encontrar o olho grego em pinturas, estampas e peças decorativas.

Por vezes, essa pedra é utilizada em conjunto com o amuleto vermelho em formato de pimenta, que é usado por pessoas para afastar maus espíritos.

Origem do mau-olhado

Então, qual é a história do mau-olhado em nossa história? Na verdade, para descobrirmos isso, é preciso voltar muito atrás na nossa história.

Desde o ano 3.000 aC, a ideia permeia diferentes culturas. Se alguém estava com ciúmes de outro por causa de seu status social ou do que possuíam, o mau-olhado podia ser lançado sobre eles por pura inveja, deixando o receptor com infelicidade.

Para evitar esse olhar, os povos antigos começaram a usar amuletos ou joias com o símbolo do olho maligno incorporado a eles. Se você usasse isso, o olhar maligno seria refletido de volta para a pessoa que o estava lançando.

Você pode encontrar o mau-olhado mencionado em antigos textos gregos e romanos, em obras literárias famosas como a Bíblia e o Alcorão e até mesmo em peças de Shakespeare.

Antes que a ciência fosse capaz de explicar muitos infortúnios como má sorte, problemas de saúde, um acidente ou problemas ambientais como uma seca ou pragas, muitas pessoas atribuíram essas situações danosas a uma maldição.

O que as cores do olho grego significam?

Na Grécia e em muitas outras culturas que acreditam no mau-olhado, a cor mais popular é um azul profundo, igual aos mares gregos. Esta cor safira ou azul-cobalto é a interpretação clássica, mas ao longo dos anos muitas outras cores passaram a simbolizar diferentes significados.

Abaixo estão algumas das cores mais populares (incluindo as que estão presentes no olho grego) e o que elas significam.

Azul-cobalto

  • Karma e proteção do destino;
  • Calma e relaxamento;
  • Fluxo aberto de comunicação.

Azul claro

  • Proteção geral;
  • Ampliando sua perspectiva;
  • Solidão e paz.

Branco

  • Pureza e foco;
  • Limpar a desordem e os obstáculos;
  • Para começar de novo.

Laranja

  • Felicidade e proteção;
  • ]Motivação para o comprometimento;
  • Aumentar a criatividade e a ludicidade.

Cinza

  • Protege contra a tristeza;
  • Abertura a novas situações;
  • Reduz a intensidade de outra cor.

Vermelho

  • Te dá coragem;
  • Mais entusiasmo e energia;
  • Proteção contra medos e ansiedades.

O Nazar Boncugu é de cor azul e a crença milenar da Anatólia diz que, na verdade, é a cor azul da pedra que detém o verdadeiro poder de proteção e absorve a energia negativa.

Isso não é surpreendente, uma vez que as pessoas de muitas nações do Mediterrâneo acreditam ardentemente nos poderes de proteção da cor azul. É por isso que é comum encontrar as portas da frente de casas nestes países do Mediterrâneo pintadas de azul para afastar os maus espíritos.

Mau-olhado na religião

O olho grego está ligado a tudo e qualquer coisa que possa atrair a inveja e a cobiça. Sendo assim, esse amuleto não está ligado exclusivamente a uma única religião. O uso do pingente como amuleto de proteção passa por judeus, cristãos e muçulmanos.

No Antigo Egito e na Índia, o Olho de Hórus e o Terceiro Olho do Buda representavam objetos com a mesma função que o olho grego.

Assim, você encontrará o pingente do olho grego pendurado na frente de casas ou escritórios, ou pais pendurando-o no pescoço de seus filhos recém-nascidos ou de seus animais de fazenda e até mesmo em seus equipamentos recém-adquiridos.

Você vai encontrar o pingente sendo inserido nas fundações de escritórios modernos e até mesmo encontrá-lo em páginas da web gregas e turcas.

Olho grego na cultura pop

O olho grego vem ganhando popularidade ao longo dos anos na indústria da moda, e não é difícil encontrar cada vez mais pessoas influentes usando esse adereço como parte do guarda-roupa.

Embora esse surto recente de popularidade seja uma vitória para aqueles que querem proteger-se contra a má sorte, é interessante que o amuleto contra o mau-olhado permaneça fiel ao seu significado original.