Geral

Fitness: afinal, o que quer dizer?

Fitness

Nos dias atuais, a moda tem se ligado firmemente ao conceito de Fitness. Os motivos podem ser estéticos ou relacionados à saúde e à perda de peso, porém, a maioria das pessoas deseja ser cada vez mais Fitness.

Você, certamente, ouviu esse termo ser repetido em diversas ocasiões: na rua, na TV, na internet etc. Mas, sabe o que ele significa, isto é, o que querem dizer quando afirmam, por exemplo, que uma determinada pessoa é Fitness?

Para ajudar você a entender melhor o conceito, apresentamos, ao longo deste artigo, as principais informações sobre o assunto. Boa leitura!

A etimologia do termo Fitness

Fitness é um termo inglês que pode ser traduzido por “manter uma boa forma física”. A palavra é geralmente associada com pessoas que apresentam bons condicionamentos físicos, incluindo o bem-estar mental dos indivíduos que se exercitam regularmente.

Etimologicamente, o termo é formado pela união dos vocábulos fit (boa forma, em tradução livre) e do sufixo (que converte adjetivos em substantivos) ness, utilizado para designar uma condição ou estado, como em Darkness, que pode ser traduzido como “escuridão”.

Logo, Fitness significa a capacidade que o corpo apresenta em funcionar eficientemente perante as distintas atividades cotidianas, mantendo a saúde de todo o organismo.

Em alguns contextos, Fitness tem sido traduzido por “aptidão”: uma palavra muito presente nas ciências biológicas, usadas para indicar a capacidade do organismo para reproduzir e sobreviver, transmitindo seus genes para os descendentes.

Fitness e os “marombeiros”

À medida que o termo Fitness passou a ser amplamente utilizado, a expressão adquiriu novas conotações, totalmente relacionadas à prática de atividades físicas.

Todavia, na exacerbada busca pela forma física ideal, a expressão aparece mais ou menos corrompida por ideias e ações inconsequentes, de indivíduos (popularmente conhecidos como “marombeiros”) que desconhecem o prazer inerente aos exercícios, procurando, de qualquer forma, obter resultados estéticos imediatos.

Fitness

Entre as funções básicas do Fitness destaca-se o desenvolvimento de padrões de treinamentos voltados à aquisição de uma boa condição física, por meio de elementos como a resistência aeróbica e muscular, a eficiência cardiovascular, a flexibilidade e a força.

O Fitness, enquanto conjunto de investigações e estudos destinados à promoção da saúde, aplica-se a certos treinamentos destinados ao equilíbrio da composição corporal, isto é, a aquisição de um adequado percentual de massa magra e a consequente redução no índice de gordura corporal.

IT

O conceito real de Fitness aponta para a busca pela harmonia e o equilíbrio entre dedicação e prazer, demonstrando como o verdadeiro bem-estar implica a saúde mental e emocional, auxiliando no controle da ansiedade e dos mais sentimentos – tão estimulados pela agitação da vida moderna.

Nos Estados Unidos, durante a década de 1970, a defesa dos exercícios físicos como instrumento eficaz para aumentar a sua qualidade de vida passou a ser discutido com maior intensidade. Os estudos da época levaram à construção do conceito, pouco utilizado, de Welness.

Embora esta expressão também faça referência ao bem-estar, dirige-se mais propriamente à dignificação do trabalho dos profissionais de Educação Física, que são formados para cuidar da saúde em seu sentido mais amplo.

Isso implica que ser Fitness engloba uma articulação de atitudes, pensamentos e atividades, distante das intenções de indivíduos que, simplesmente, buscam explorar o conceito para “seguir a moda” ou render culto ao corpo, a fim de alimentar o próprio ego.

Trata-se, antes, da busca por vida melhor e mais saudável, capaz de propiciar mais benefícios do que apenas ter uma “barriga tanquinho”.

Alimentação Fitness ou Funcional: qual é a diferença?

Tanto a alimentação Fitness quanto a Funcional priorizam os alimentos naturais, rejeitados os industrializados, a fim de evitar os danos à saúde de seus componentes químicos. Entretanto, como o intuito de cada dieta pode ser diferente, os alimentos também são.

Dito de outra forma, quem deseja ser Fitness tende a escolher alimentos com os nutrientes que proporcionam o desenvolvimento e a recuperação muscular. De modo geral, seus adeptos são os praticantes de exercícios físicos que procuram definir os músculos corporais.

Fitness

A dieta Fitness, portanto, reúne produtos comprovadamente saudáveis com certos ingredientes que são imprescindíveis para os músculos.

Por outro lado, as pessoas que desejam manter o correto funcionamento do organismo e evitar as doenças tendem a seguir os paradigmas da alimentação funcional e buscam por substâncias e nutrientes que previnem o envelhecimento precoce e o desenvolvimento de enfermidades.

É possível dizer, resumidamente, que a alimentação Fitness se concentra em princípios estéticos, ao passo que a funcional objetiva garantir que o organismo (como o seu nome indica) “funcione” corretamente.

Quais alimentos integram a alimentação fitness?

Se você deseja tonificar os músculos, existem uma série de alimentos que você pode incorporar à sua dieta, tais como:

  • Ovo: a clara tem aminoácidos que são facilmente absorvidos pelo corpo, enquanto a gema apresenta gorduras boas (por exemplo, o ômega 3) que combatem os processos inflamatórios que acontecem durante a prática dos exercícios físicos, de modo que seu consumo potencializa a recuperação muscular;
  • Frango: o peito de frango conta com alta concentração de proteínas e baixo nível de gordura;
  • Batata doce: altamente nutritiva, este alimento é uma rica fonte de minerais, vitaminas e fibras;
  • Oleaginosas (como amendoim, nozes, amêndoas e castanhas): fornecem gorduras e proteínas que não são naturalmente produzidas pelo organismo, embora sejam essenciais. Além disso, oferecem diversas vitaminas (complexo B) que elevam a disposição para realizar exercícios, e minerais que tornam mais eficiente o transporte de oxigênio para os músculos.

Quais são os alimentos funcionais?

Embora a lista de alimentos funcionais seja bastante extensa, alguns dos mais importantes são:

Alho

O alho é um dos principais temperos na mesa do brasileiro, trazendo inúmeros benefícios para a saúde e, até mesmo, previne certos tipos de câncer. Este alimento reduz o colesterol, acelera o metabolismo, estimula o sistema nervoso e diminui o apetite.

Como ser não bastasse, o alho evita enfermidades cardíacas, reduz a hipertensão e fortalece, como um todo, o sistema imunológico.

Aveia

A aveia é repleta de vitaminas, minerais e fibras, sendo, também, uma excelente fonte de proteína vegetal. A aveia garante um bom funcionamento intestinal, equilibra os níveis de açúcar na corrente sanguínea, auxilia na digestão e confere energia ao corpo, além de também fazer parte da alimentação Fitness.