Língua Portuguesa

Discriminação: entenda o significado e como acontece

Ao contrário do que muitos pensam, a discriminação está presente em boa parte da sociedade. Este ato repugnante se traduz na recusa e na violação de qualquer direito tido como fundamental concedido a outro ser humano. Esse tipo de violência pode acontecer por causa de uma ação ou omissão de uma pessoa. Entenda mais sobre esse conceito e como ele está presente dentro da nossa sociedade.

Infelizmente, estamos vivendo uma época sombria, onde diversas pessoas estão manifestando o ódio e a discriminação de forma deliberada, sem o mínimo de respeito pelo outro. Como seres humanos dotados de inteligência não podemos mais tolerar tanta violência contra qualquer tipo de raça, cor, credo e etc. Para evoluirmos enquanto raça, precisamos praticar a tolerância e o respeito.

Esse substantivo feminino que aparentemente nos remete apenas a uma distinção ou diferenciação de algo, vem sendo utilizado de maneira agressiva e repudiante dentro da nossa sociedade. Atualmente ele é utilizado como um termo comum para designar atos de preconceito contra pessoas ou grupos de pessoas.

Qual o significado de discriminação?

Podemos designar a discriminação como um ato praticado por uma pessoa de forma totalmente preconceituosa em relação a algo ou a alguém. As questões que movem esse tipo de atitude são as mais diversas, desde questões de gênero, raça, orientação sexual, situação econômica, religiosidade, nacionalidade ou qualquer outro aspecto que surgir.

De acordo com a Declaração Universal dos Direitos Humanos de 1948, mais precisamente no artigo 7, qualquer ato discriminatório é considerado violação.

O artigo diz o seguinte:

“Todos os seres humanos são iguais perante a lei vigente e tem direito a ela sem qualquer tipo de distinção, tendo proteção de maneira igual. Todos tem direito a proteção contra qualquer ato discriminatório que viole de maneira integral essa Declaração Universal.”

A ONU ou Organização das Nações Unidas trabalha incessantemente para que atos discriminatórios sejam completamente extintos do planeta. Diversas medidas são tomadas anualmente.

Infelizmente, os atos de discriminação fazem como que ocorra uma exclusão social e segregação maciça dos indivíduos que foram discriminados. Isso faz com que o aumento da marginalidade aumente.

Existem alguns sinônimos utilizados para essa palavra como distinção, segregação, diferenciação e especificação.

Quais são os tipos de discriminação que existem?

Além de ser horrorosa a discriminação ainda pode ser classificada em diferentes tipos. Listamos alguns para você conhecer e se informar melhor, pois a maioria do preconceito nasce por causa da falta de informação.

Discriminação em relação a raça

Dizem que o Brasil não é racista, mas infelizmente isso não é verdade. Existem relatos diários sobre discriminação racial em diferentes regiões do país.

Esse tipo de discriminação consiste em excluir, diferenciar e restringir qualquer pessoa com base apenas em suas características raciais.

Infelizmente, os negros são os mais atingidos por esse tipo de segregação. Existem dados recentes que mostram que os negros ainda estão em posição de desigualdade perante os brancos. Esses dados são refletidos claramente em setores como:

  • Setor carcerário: atualmente, existem muito mais negros do que brancos nos presídios;
  • Setor universitário: os brancos ocupam a maioria das cadeiras universitárias em todo o país;
  • Setor econômico: a taxa de desemprego entre os negros é muito maior do que os brancos, inclusive financeiramente, os brancos costumam ser mais ricos.

Qual a diferença entre injúria racial e racismo?

O Código Penal Brasileiro determina que nem todas as discriminações raciais são consideradas racismo. De acordo com o artigo 140, a injúria racial é quando ocorre uma ofensa individual, onde a honra e a dignidade são ofendidas, utilizando elementos caracterizantes como a cor e a raça.

Já o racismo em termos legais é a ofensa discriminatória voltada exclusivamente a um grupo de indivíduos. Isso significa que as ofensas atingem não apenas uma pessoa, mas a raça inteira. O racismo está contido na Lei 7.716/89 e prevê cadeia para quem o pratica.

Discriminação pela orientação sexual

Esse tipo de discriminação está muito presente na nossa sociedade e infelizmente é uma das que mais matam atualmente.

A denominação que se dá a esse tipo de diferenciação é chamada de homofobia, ela consiste basicamente no tratamento agressivo proferido a todas as pessoas que possuem uma condição sexual de homossexualidade, bissexualidade e todas as suas derivações.

Discriminação em relação ao gênero

Esse tipo de discriminação acontece quando um indivíduo tem repulsa em relação a outro tipo de gênero que seja diferente do seu. Normalmente é mais comum em quem tem comportamentos machistas e sexistas.

Esse tipo de comportamento está refletido na sociedade da seguinte forma, veja:

  • Aumento da violência contra as mulheres, resultando em dezenas de mortes todos os dias;
  • Diferenças de salários entre homens e mulheres;
  • Menos cargos políticos ocupados por mulheres;
  • Menos mulheres em cargos de chefia dentro das empresas.

Discriminação relacionada a questões de nacionalidade e culturais

O nome deste tipo de discriminação é chamado também de xenofobia, onde o que ocorre na verdade é o ato de tratar com hostilidade e agressividade todas as pessoas que forem de outras cidades, países etc.

Estrangeiros são o alvo desse tipo de violência, muitas vezes motivada por questões culturais, históricas e religiosas.

Mas, não para por aí, existem também outros motivos que fazem esse tipo de discriminação acontecer como a condição financeira e econômica, aparência física, crenças religiosas e costumes culturais.

Discriminação e preconceito

Essas duas palavras são usadas como se fossem a mesma coisa, mas na prática não são. O preconceito é aquela ideia que a pessoa tem de forma pré-concebida sobre determinada questão, mas que não verbaliza, não põe em prática.

No preconceito, não existe a comunicação do que você pensa.

Já na discriminação existe a comunicação desse preconceito, ou seja, existe a violência contra o alvo. Esse ato pode ser punido legalmente com medidas judiciais previstas no nosso Código Penal.

Qual a diferença entre a discriminação e descriminação

Essa é uma das confusões mais comuns que as pessoas fazem em relação a essas duas palavras, mas os seus significados são totalmente diferentes.

Descriminação significa o ato de descriminalizar algo ou alguma atitude que foi considerada crime.

Nada a ver com discriminação como você pode ler nesse artigo de hoje.